CHERNOBYL: Série da HBO é Filme de Terror Real e Atual

A HBO lançou sua mini-série CHERNOBYL, com cinco capítulos, produzida pelo norte-americano Craig Mazin, conhecido por seu envolvimento em filmes de humor como SE BEBER NÃO CASE III, SUPER-HERÓI e TODO MUNDO EM PÂNICO 4. Esta guinada em sua carreira fazendo um produção que mergulha fundo no maior desastre ambiental da história da humanidade é absolutamente surpreendente.

CHERNOBYL, a série é um filme de terror diferente. O fato de estar revelando (com detalhes nunca antes vistos) o que realmente aconteceu no acidente ocorrido na Usina Nuclear de Chernobyl, na cidade de Pripyat (Rússia) em 25 de abril de 1986, dá ao filme um tom de alerta assustador, pelo realismo com que conta os fatos.

Tendo por vezes optado por um tom documental, CHERNOBYL extrai sua força principalmente da contundência de sua história. O elenco excelente dá perfeito suporte à produção. O britânico Jarred Harris faz o cientista protagonista Valery Legasov. A também inglesa Emily Watson tem mais uma interpretação de destaque como a cientista Ulana Khomiuk. Além deles aparecem o sueco Stellan Skarsgard, a cantora e atriz irlandesa Jessie Buckley e o também sueco David Dencik (como Mikhail Gorbachev).

O número de vítimas continua a ser uma questão misteriosa. Houve duas mortes dentro da instalação, 134 militares foram hospitalizados com SAR, dos quais 28 bombeiros e funcionários morreram. Outras quatorze mortes aconteceram por câncer nos dez anos seguintes. Mais 15 crianças tiveram câncer induzido posteriormente à tragédia. Talvez nunca se saiba a extensão real do acidente.

O mais impressionante da história é o que poderia ter ocorrido (medidas heroicas evitaram consequencias ainda maiores) e o desconhecimento dos riscos de parte das autoridades governamentais.

CHERNOBYL é uma série extremamente bem feita, como são usulamente as produções da HBO. A diferença são a realidade e a contundência de sua história. Um filme de terror real e atual.

HBO has released its five-part mini-series CHERNOBYL, produced by Craig Mazin, an American who is known for his involvement in comic films such as HANGOVER III, SUPERHERO, and SCARY MOVIE 4. Turning his career into a production that plunges deep into the greatest environmental disaster in the history of mankind is absolutely astonishing.

CHERNOBYL, the series is a different horror film. The fact that it is revealing (with details never seen before) what actually happened in the accident at the Chernobyl Nuclear Power Plant in Pripyat (Russia) on April 25, 1986, gives the film a scary tone of warning, realism that tells the facts.

Having sometimes opted for a documentary tone, CHERNOBYL draws its strength mainly from the forcefulness of its history. The excellent cast gives perfect production support. The British Jarred Harris makes the protagonist scientist Valery Legasov. The Englishwoman Emily Watson also has another outstanding performance as the scientist Ulana Khomiuk. In addition to them appear Swedish Stellan Skarsgard, Irish singer and actress Jessie Buckley and also Swedish David Dencik (as Mikhail Gorbachev).

The number of victims remains a mysterious issue. There were two deaths inside the facility, 134 military personnel were hospitalized with SAR, of which 28 firefighters and staff were killed. Another fourteen deaths occurred for cancer in the next ten years. Fifteen more local children had cancer after the tragedy. We may never know the real extent of the accident.

The most impressive in history is what could have happened (heroic measures avoided even greater consequences) and the ignorance of the risks on the part of the governmental authorities.

CHERNOBYL is an extremely well made series, as usually are HBO productions. The difference is the reality and the forcefulness of its history. A real and current horror film.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s