WATCHMEN: Série da HBO Mostra Futuro Distópico em que a Liberdade Está Ameaçada

WATCHMEN, a nova série da HBO – mais uma superprodução do estúdio mais prolífico da TV – é uma dobradinha com o talentoso Produtor Damen Lindelof, principal responsável por LOST, um extraordinário sucesso no mundo das séries anos atrás. Tendo recursos ilimitados, a dupla HBO/Lindelof se debruçou sobre as HQs criadas por Alan Moore e Dave Gibbons na década de 80.

WATCHMEN traz uma história de um mundo paralelo em que os EUA – em plena Guerra Fria – estão à beira de declarar uma guerra nuclear contra a União Soviética. Há super-heróis do passado (hoje proscritos) e policiais mascarados para fugir aos crimes contra de um movimento anarquista contra eles e suas famílias.

WATCHMEN gerou um filme de longa-metragem em 2009, dirigida por Zack Snyder, com Patrick Wilson, Malin Ackerman, Billy Cudrup, Jeffrey Dean Morgan e Jackie Earle Haley. Era uma obra bastante interessante, embora deixasse uma forte impressão de que faltou captar a essência das HQs.

O primeiro episódio do WATCHMEN da HBO pareceu mais criativo na apreensão do ambiente de tensão crescente e permanente em que vivem os personagens. Um brutal assassinato de um policial logo no início do episódio dá um tom pesao à trama. Cenas que parecem sonhos regados a drogas alucinógenas aproximam a série das HQs em que se baseiam.

Outro destaque já perceptível neste primeiro dos nove capítulos desta primeira temporada é o elenco que tem o extraordinário Jeremy Irons, Regina King (RAY), Don Johnson (o eterno policial de MIAMI VICE), Tim Blake Nelson, Louis Gosset Jr. (há tempos desaparecido), Frances Fischer e Jean Smart. Ótimo grupo de atores e atrizes.

Como todo primeiro capítulo, este teve que dedicar boa parte de sua duração para mostrar os personagens e os ambientes onde a história vai se desenvolver. Neste contexto, a série conseguiu evitar qualquer monotonia.

Tendo em vista as últimas séries da HBO (TRUE DETECTIVE, LITTLE BIG LIES, WESTWORLD e SHARPING OBJECTS), pode-se esperar que WATCHMEN atinja o topo de qualidade da produção televisiva de hoje.

WATCHMEN, the new HBO series – yet another mega production from TV’s most prolific studio – is a aliance with the talented Producer Damen Lindelof, head of LOST, an extraordinary success in the series world years ago. Having unlimited resources, the HBO / Lindelof duo looked into the comics created by Alan Moore and Dave Gibbons in the 1980s.


WATCHMEN tells a story of a parallel world in which the US – in the midst of the Cold War – is on the verge of declaring a nuclear war against the Soviet Union. There are past (now outlawed) superheroes and masked policemen to evade crimes against them by an anarchist movement.


WATCHMEN was a feature film in 2009, directed by Zack Snyder, with Patrick Wilson, Malin Ackerman, Billy Cudrup, Jeffrey Dean Morgan, and Jackie Earle Haley. It was a very interesting work, although it left a strong impression that the essence of comics was missing.

The first episode of HBO’s WATCHMEN seemed more creative in apprehending the environment of increasing and permanent tension in which the characters live. A brutal murder of a police officer early in the episode gives a heavy tone to the plot. Scenes that look like hallucinogenic drug-dreaming dreams come close to the series of comics on which they are based.

Another noticeable highlight in this first of the nine chapters of this first season is the cast featuring the extraordinary Jeremy Irons, Regina King (RAY), Don Johnson (MIAMI VICE’s eternal cop), Tim Blake Nelson, Louis Gosset Jr. (long gone), Frances Fischer and Jean Smart. Great group of actors and actresses.

Like every first chapter, this one had to devote much of its duration to showing the characters and environments where the story will unfold. In this context, the series managed to avoid any monotony.

In view of the latest HBO series (TRUE DETECTIVE, LITTLE BIG LIES, WESTWORLD and SHARPING OBJECTS), WATCHMEN can be expected to reach the highest quality of today’s television production.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s