O RITMO DA VINGANÇA: Blake Lively e Jude Law em Thriller Inteligente e Contundente.

O RITMO DA VINGANÇA (THE RYTHM SECTION), da cineasta americana Reed Morano (O CONTO DA AIA) é um thriller Hispano-Americano-Britânico (a EON Productions que faz os filmes de 007 é a empresa líder), com locações em Nova Iorque, Marselha, Dublin e Madri. Esta’disponível no NOW, na Apple TV+ e na Amazon Prime Video.

O filme, baseado em um livro do escritor inglês Marc Burnell conta a história de uma jovem britânica que perde sua família inteira em um acidente de avião. A destruição de sua vida a leva às drogas e à prostituição. Quando fica sabendo, por um jornalista, que tinha sido um atentado terrorista resolve sair em busca de vingança. Quem a treina para virar assassina é um agente do MI6 caído em desgraça por uma vingança pessoal.

Blake Lively (a eterna GOSSIP GIRL) consegue se desglamurizar para viver a vingativa protagonista Stephanie Patrick. O seu “coach” é Jude Law, sempre um ator interessante de se ver atuar. Richard Brake, Ellen Curtis, Sterling K. Brown e Matilda Ziller fazem o elenco.

THE RYTHM SECTION conduz muito bem o espectador, dando-lhe um interesse crescente na medida em que a narrativa se desenvolve. Um grande destaque é a inspirada trilha sonora, onde pontificam Dream a Little Dream of Me (The Mamas and the Papas), It’s Now or Never (Elvis Presley) mais Lou Reed, Brenda Lee e Jorge Sepulveda.

O crítico do THE NEW YORK TIMES, Glenn Kenny escreveu sobre o filme: “A talentosa Morano, cujo trabalho na série de TV “The Handmaid’s Tale” mostra um jeito de realismo sombrio, às vezes parece querer subverter o gênero de ação de espionagem, diminuindo o prazer dele. Uma cena de luta em que o animado e insistente Richard Brake é tão brutal que parece o “Haywire” de Soderbergh, refilmado por Lars von Trier. O público pode ficar mais batido do que sacudido.”

Como o livro de Burnell é o primeiro de uma série, pode ser que voltemos a ver Blake Lively como a assassina Stephanie Patrick. Acho que seria bem bom.

THE RYTHM SECTION, by American filmmaker Reed Morano (THE HANDMAID’S TALE) is a Hispanic-American-British thriller (EON Productions maker the 007 films is the leading company), with locations in New York, Marseille, Dublin and Madrid. It is available on NOW, Apple TV + and Amazon Prime Video.

The film, based on a book by English writer Marc Burnell, tells the story of a young British woman who loses her entire family in a plane crash. The destruction of her life leads to drugs and prostitution. When he learns from a journalist that it was a terrorist attack, he decides to seek revenge. Whoever trains her to become a murderer is an MI6 agent disgraced by personal vengeance.

Blake Lively (the eternal GOSSIP GIRL) manages to deglamurize herself to live the vengeful protagonist Stephanie Patrick. Her coach is Jude Law, always an interesting actor to watch. Richard Brake, Ellen Curtis, Sterling K. Brown and Matilda Ziller make the cast.

THE RYTHM SECTION leads the viewer very well, giving him a growing interest as the narrative develops. A great highlight is the inspired soundtrack, where Dream a Little Dream of Me (The Mamas and the Papas), It’s Now or Never (Elvis Presley) more Lou Reed, Brenda Lee and Jorge Sepulveda.

THE NEW YORK TIMES critic Glenn Kenny wrote of the film: “The talented Morano, whose work on the TV series “The Handmaid’s Tale” shows a knack for shuddery grim realism, sometimes seems to want to subvert the espionage-action genre by bludgeoning the pleasure out of it. One fight scene pitting Lively against the wiry, insistent Richard Brake is so severely brutal it feels like Soderbergh’s “Haywire” remade by Lars von Trier. Audiences may be more shaken than stirred.”

As Burnell’s book is the first of a series, we may see Blake Lively as the murderer Stephanie Patrick again. I think it would be pretty good.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.