LOSING ALICE: Cinema, Sedução e Drama em Série Israelense

As séries de TV feitas em Israel tem uma qualidade muito alta, o que motiva que muitos produtores de outros países adquiram direitos para refilmá-las em seus países. HOMELAND e IN TREATMENT são apenas dois exemplares ilustres.

A Apple TV+ está apresentando uma novíssima série israelense intitulada LOSING ALICE, que tem como tema central a produção de um filme, o que por si só lhe garante o interesse do cinéfilo.

Alice, uma roteirista e cineasta de comerciais está em um ponto da vida, onde sua maior característica é a infelicidade. O casamento feliz com um ótimo ator está naquela fase de inércia. Criar as duas filhas pequenas exige tempo demais para quem quer muito trabalhar. A sogra rica sustenta o casal mas se acha no direito de intervir na vida deles. Os trabalhos (comerciais de iougurte, por exemplo), não lhe dão mais qualquer prazer. O corpo começa a dar sinais da idade. O flerte com outros homens nunca é levado adiante. Para completar, o novo roteiro está completamente parado diante de um bloqueio aparentemente instransponível.

Uma noite, voltando para a casa de trem, ela conhece uma jovem e linda escritora que diz que escreveu um roteiro e enviou à produtora do marido dela. Quando lê o roteiro, uma ousada história de sexo e transgressão, Alice enlouquece e quer ser a diretora do filme estrelado por seu marido.

O arranjo dos três, com a nada tímida Sophie invadindo cada vez mais a vida deles, promete criar muito conflito.

Alice é um excelente trabalho da atriz israelense Ayelet Zurer, vista em MUNIQUE e PONTO DE VISTA. A inquieta Sophie é a também israelense Lihi Kornowski. E David é Gal Toren.

Colocar este triângulo em meio a uma criação cinematográfica foi uma ideia brilhante da roteirista e diretora Sigal Avin, nascida na Flórida. Sua história é muito rica e cheia de metáforas que se inserem brilhantemente na narrativa.

LOSING ALICE já teve 4 dos 8 episódios disponíveis. Fiquei louco para ver os demais. Haja paciência.

LOSING ALICE é mais uma série top de Israel.

TV series made in Israel are of a very high quality, which motivates many producers in other countries to acquire rights to remake them in their countries. HOMELAND and IN TREATMENT are just two illustrious examples.

Apple TV + is presenting a brand new Israeli series entitled LOSING ALICE, whose main theme is the production of a film, which in itself guarantees the interest of the cinephile.

Alice, a screenwriter and commercial filmmaker, is at a point in her life, where her greatest characteristic is her unhappiness. The happy marriage to a great actor is in that phase of inertia. Raising two young daughters takes too much time for anyone who wants to work hard. The wealthy mother-in-law supports the couple but is entitled to intervene in their lives. The works (yogurt commercials, for example), do not give you any more pleasure. Her body starts showing signs of age. Flirting with other men is never carried on. In addition, the new script is completely stopped in the face of an apparently insurmountable blockade.

One night, returning to the train home, she meets a beautiful young writer who says she wrote a script and sent it to her husband’s production company. When she reads the script, a bold story of sex and transgression, Alice goes crazy and wants to be the director of the film starring her husband.

The arrangement of the three, with nothing shy Sophie invading their lives more and more, promises to create a lot of conflict.

Alice is an excellent work by Israeli actress Ayelet Zurer, seen in MUNICH and POINT OF VIEW. The restless Sophie is also Israeli Lihi Kornowski. And David is Gal Toren.

Placing this triangle in the midst of a cinematographic creation was a brilliant idea from Florida-born female screenwriter and director Sigal Avin. Her story is very rich and full of metaphors that fit brilliantly into the narrative.

LOSING ALICE has had 4 of the 8 episodes available. I was dying to see the others. Be patient.

LOSING ALICE is yet another top series from Israel.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.