OSCAR 2021: Cerimônia Triste Como o Mundo em que Estamos Vivendo

Eu tinha muita curiosidade como o talentoso Steven Soderbergh ia fazer a Cerimônia do Oscar da Pandemia.

Foi triste como o mundo em que estamos vivendo. Muito mais simples, com menos glamour, menos pompa e menos convidados.

As poucas novidades foram os indicados que estavam em outros lugares aguardando as premiações como Sacha Baron Cohen (com a esposa Isla Fischer na Austrália), vários indicados no BFI em Londres (Olivia Colman, Gary Oldman e muitos outros), Bong Joon-Ho direto de um cinema na Coréia e Brian Cranston fazendo uma entrada do Dolby Theater inteiramente vazio e melancólico.

O melhor discurso da noite foi de Tyler Perry, ao ganhar o prêmio humanitário Jean Hersholt, onde saudou as pessoas que evitam qualquer forma de ódio e tentam permanecer no centro no ambiente que for.

Gostei muito dos prêmios de NOMADLAND, O SOM DO SILÊNCIO, MANK e O PAI. São excelentes filmes. PROMISING YOUNG WOMAN ganhou melhor roteiro o que também me pareceu muito justo.

Ao contrário dos comentários, achei a brincadeira sobre as canções premiadas ou indicadas um dos poucos momentos em que a Cerimônia ousou sair do seu quadrado. Oportunizou um show de Glen Close.

Finalmente, em duas categorias disputadíssimas, atriz e ator, acho que a Academia foi conservadora. Frances McDormand está (ela é) excelente, mas premiar Viola Davis seria mais avançado para reafirmar os valores de inclusão e diversidade. estes valores por sinal, estiveram representados no prêmio de Daniel Kaluuya e Youn Yuh-Jong.

O prêmio de melhor diretora para Chloe Zhao foi histórico e promete abrir mais as portas para mulheres diretoras. Neste ano houve 16 prêmios para mulheres, um recorde absoluto.

O prêmio de Anthony Hopkins – para quem viu o filme – era impossível de não ser dado. Ele é O PAI. Teve outro desempenho antológico. Infelizmente Chadwick Boseman ficou para trás.

Foi uma cerimônia simples, quadrada e triste. Pensando bem, não temos (e nem o mundo do cinema) muito a comemorar além do fato de estarmos vivos e com saúde.

I was very curious how the talented Steven Soderbergh was going to do the Pandemic Oscar Ceremony.

It was sad like the world we are living in. Much simpler, with less glamor, less pomp and less guests.

The few novelties were nominees who were elsewhere awaiting awards such as Sacha Baron Cohen (with wife Isla Fischer in Australia), several nominees in London in the BFI Center (Olivia Colman, Gary Oldman and many others), Bong Joon-Ho from a movie theater in Korea and Brian Cranston making an entrance from the Dolby Theater entirely empty and melancholy.

The best speech of the night was by Tyler Perry, when he won the Jean Hersholt humanitarian award, where he greeted people who avoid any form of hatred and try to stay at the center in whatever environment it is.

I really enjoyed the awards of NOMADLAND, THE SOUND OF METHAL, MANK and THE FATHER. They are excellent films. PROMISING YOUNG WOMAN won a better script which also seemed very fair.

Contrary to the comments, I found the joke about the winning or nominated songs one of the few moments when the Ceremony dared to leave its square. It offered a Glen Close show.

Finally, in two very disputed categories, actress and actor, I think the Academy was conservative. Frances McDormand is (as always) excellent, but rewarding Viola Davis would be more advanced to reaffirm the values ​​of inclusion and diversity. These values, by the way, were represented in the prize of Daniel Kaluuya and Youn Yuh-Jong.

The award for best director for Chloe Zhao was historic and promises to open more doors for female directors. This year there were 16 awards for women, an absolute record.

The Anthony Hopkins award – to anyone who saw the film – was impossible not to be given. He’s THE FATHER. It had another anthological performance. Unfortunately Chadwick Boseman was left behind.

It was a simple, square and sad ceremony. On second thought, we don’t have (and neither does the world of cinema) much to celebrate other than the fact that we are alive and healthy.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.