FREUD NO CINEMA: Um Personagem Fascinante

O médico austríaco Sigmund Freud estaria de aniversário hoje.

O cinema tem muitos filmes em que Freud aparece. Uns melhores, outros piores.

FREUD, ALÉM DA ALMA (1962), de John Huston é uma biografia de Freud (o roteiro é do mítico Charles Kaufman) e suas inovações como o tratamento de pacientes com histeria com uso da hipnose. Montgomery Clift faz Freud. Susanah York é outra atriz do elenco do filme.

A SOLUÇÃO SETE POR CENTO (1976), de Nicholas Meyer mostra uma ida do Detetive Sherlock Holmes a Viena para se tratar com Freud sobre o vício em cocaína. Alan Arkin vive Freud, enquanto Sherlock é o ator Nicol Williamson e Watson é Robert Duvall. Um ótimo filme.

1919 NINETEEN NINETEEN (1985), de Hugh Brody tem um ex-paciente de Freud (Paul Scofield) que resolve que uma mulher (Maria Schell) deve se tornar paciente do fundador da análise. Freud aparece somente pela voz de Frank Finlay.

A MORTE DE SALVADOR DALI (2005), de Delaney Bishop faz Salvador Dali (Salvador Benavides) se tornar paciente de Freud (Robert Cesario) para tratar a loucura de sua arte.

Em A DANGEROUS METHOD (2011), de David Cronemberg o ator que vive Freud foi o ótimo Viggo Mortensen. Apesar de ter no elenco Keira Knigthley e Michael Fassbender (Carl Jung), o filme do canadense Cronemberg é irregular.

A TABACARIA (2018), de Nikolaus Leitner é um belo exercício ficcional, em que Freud é cliente de uma tabacaria de um judeu em Viena, no período de ascensão do nazismo. Sigmund é vivido pelo ator Bruno Ganz.

FREUD (2020), série da NETFLIX é uma co-produção austro-germânica que mostra um jovem Freud (Robert Finster) às voltas com o descrédito de seu métodos e seu vício em cocaína. O ponto de partida era bom, mas o roteiro exagerou nas cenas de violência gratuita.

Há muitos outros filmes em que o Pai da Psicanálise aparece. Trata-se de um personagem fascinante.

Austrian doctor Sigmund Freud would be having birthday today.

The cinema has many films in which Freud appears. Some better, others worse.

FREUD (1962), by John Huston is a biography of Freud (the script is by the mythical Charles Kaufman) and his innovations such as the treatment of patients with hysteria using hypnosis. Montgomery Clift does Freud. Susanah York is another actress in the film’s cast.

Nicholas Meyer‘s SOLUTION SEVEN PERCENT (1976) shows Detective Sherlock Holmes‘ trip to Vienna to deal with Freud about cocaine addiction. Alan Arkin plays Freud, while Sherlock is actor Nicol Williamson and Watson is Robert Duvall. A great movie.

1919 NINETEEN NINETEEN (1985), by Hugh Brody, has a former patient of Freud (Paul Scofield) who decides that a woman (Maria Schell) must become patient of the founder of the analysis. Freud appears only through the voice of Frank Finlay.

THE DEATH OF SALVADOR DALI (2005), by Delaney Bishop makes Salvador Dali (Salvador Benavides) become Freud’s patient (Robert Cesario) to deal with the madness of his art.

In A DANGEROUS METHOD (2011), by David Cronemberg, the actor who lives Freud was the great Viggo Mortensen. Despite having in the cast Keira Knigthley and Michael Fassbender (Carl Jung), the film by Canadian Cronemberg is irregular.

THE TOBACCONIST (2018), by Nikolaus Leitner is a beautiful fictional exercise, in which Freud is a client of a Jewish tobacco shop in Vienna, in the period of the rise of Nazism. Sigmund is played by actor Bruno Ganz.

FREUD (2020), NETFLIX series is an Austro-German co-production that shows a young Freud (Robert Finster) struggling with the discredit of his methods and his addiction to cocaine. The starting point was good, but the script exaggerated the scenes of gratuitous violence.

There are many other films in which the Father of Psychoanalysis appears. He is a fascinating character.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.