QUEM MATOU SARA?: Entre Cabrones e Pendejos

Finalmente fui ver a série mexicana da NETFLIX, QUEM MATOU SARA?

Achei bem fraquinha. O tom de novela é indisfarçável e fica claro a cada cena onde a música sobe e é dado um close no rosto de um dos personagens, ao melhor estilo O DIREITO DE NASCER.

A novidade é apimentar a trama com muitas cenas de sexo entre todos os gêneros e com todos os propósitos. Não tornou a série mais interessante.

Outra coisa bem ruim são os julgamentos morais do roteiro, separando claramente mocinhos e vilões conforme as escolhas de vida de cada um. Aliás, a série tem muito mais vilões que mocinhos.

Na minha opinião, o grande sucesso de WHO KILLED SARA? é imerecido.

Finally I went to see NETFLIX’s Mexican series, WHO KILLED SARA?

I thought it was very weak. The soap opera tone is undisguised and it becomes clear at each scene where the music goes up and a close up is given to the face of one of the characters, in the best style of classic soap operas

The novelty is to spice up the plot with many sex scenes between all genders and for all purposes. It didn’t make the series more interesting.

Another really bad thing is the script’s moral judgments, clearly separating good guys and bad guys according to each other’s life choices. In fact, the series has many more villains than good guys.

In my opinion, the great success of WHO KILLED SARA? is undeserved.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.