MAUREEN O’HARA: Uma Irlandesa que Enfrentou o Vendaval

Nas décadas de 40 e 50, raras atrizes furavam o bloqueio do star System, onde os homens de Hollywood eram as estrelas da companhia: Clark Gable, Humphrey Bogart, John Wayne, Errol Flynn, Tyrone Power e assim por diante.

Uma atriz irlandesa apareceu como a precursora da mulher determinada, inteligente e ousada, com personagens que eram muito mais que um rosto lindo.

Maureen O’Hara fez 65 filmes, em todos os gêneros : westerns, aventuras, filmes noir, dramas, romances. Nasceu em 17 de agosto de 1920, em Dublin e morreu aos 95 anos, em 2015.

Seu trabalho como a espevitada ruiva Mary Kate Danaher, em DEPOIS DO VENDAVAL (THE QUIET MAN) é uma daquelas interpretações memoráveis. Mas tem MILAGRE NA RUA 34, THE PARENT TRAP, RIO GRANDE, CONTRA TODAS AS BANDEIRAS, LADY GODIVA OF COVENTRY e O CISNE NEGRO.

Ganhou um Oscar honorário e uma estrela na Calçada da Fama.

In the 1940s and 1950s, rare actresses broke through the Star System blockade, where Hollywood men were the company’s stars: Clark Gable, Humphrey Bogart, John Wayne, Errol Flynn, Tyrone Power and so on.

An Irish actress appeared as the forerunner of the determined, intelligent and bold woman, with characters that were much more than a pretty face.

Maureen O’Hara has made 65 films, in all genres: westerns, adventures, film noirs, dramas, romances. She was born on August 17, 1920 in Dublin and died at age 95 in 2015.

Her work on her as the perky redhead Mary Kate Danaher in THE QUIET MAN is one of those memorable performances. But she has MIRACLE ON 34TH STREET, THE PARENT TRAP, RIO GRANDE, AGAINST ALL FLAGS, LADY GODIVA OF COVENTRY and THE BLACK SWAN.

She won an honorary Oscar and a star on the Walk of Fame.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.