ARNALDO JABOR: O Mundo Está Mais Pobre

Entre tantas atividades que fez com competência, o cineasta Arnaldo Jabor fez alguns dos melhores filmes brasileiros de todos os tempos.

Meu trio de filmes dele que mais gosto é composto por TODA NUDEZ SERÁ CASTIGADA (maravilhoso, do texto do gênio Nelson Rodrigues à trilha sonora com Astor Piazzolla, sem esquecer do “ladrão boliviano”), EU TE AMO (vera Fischer e Sônia Braga no auge de suas belezas) e EU SEI QUE VOU TE AMAR (Fernandinha Torres nota dez).

Muitos anos acompanhei os comentários – sempre lúcidos – de Arnaldo Jabor no Jornal da Globo. Faziam minha noite melhor e mais inteligente.

Com a morte de Arnaldo Jabor, hoje, o mundo está mais pobre.

Among the many activities he did with competence, filmmaker Arnaldo Jabor made some of the best Brazilian films of all time.

My favorite trio of his films is ALL NUDITY WILL BE PUNISHED (wonderful, from the text by the genius Nelson Rodrigues to the soundtrack with Astor Piazzolla, not forgetting the “Bolivian thief”), I LOVE YOU (Vera Fischer and Sônia Braga at the height of her beauties) and I KNOW THAT I WILL LOVE YOU (Fernandinha Torres grade ten).

For many years I followed the comments – always lucid – of Arnaldo Jabor in Jornal da Globo. They made my night better and smarter.

With the death of Arnaldo Jabor, today, the world is much more poor.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.