THE ENDGAME: Morena Baccarin – “Não se Provoca a Onça com Vara Curta”

Vi nesta terça-feira o primeiro episódio da nova série da NBC americana, THE ENDGAME, um thriller policial estrelado por uma poderosa dupla de mulheres, a brasileira Morena Baccarin e a americana Ryan Michelle Bathe.

Elena Federova (Baccarin) é a líder de um exército terrorista internacional que é capturada pelo FBI e trazida sob um rigoroso esquema de segurança para um interrogatório em Nova Iorque. Logo que ela chega, seus comparsas iniciam uma série de assaltos a bancos da Big Apple, criando um caos na cidade. Os roubos são orquestrados pela chefe que parece estar um passo à frente de todos do FBI, departamento de Justiça e Promotoria.

Sua nêmesis chega na figura da agente especial do FBI Val Fitzgerald (Bathe) que já tinha cruzado com a vilã em ocasiões anteriores. Val está em crise no FBI porque seu marido (Kamal Angelo Bolden) foi preso por um crime que pode não ter cometido.

Neste primeiro episódio, os personagens ainda estão sendo apresentados e a trama vai se estabelecendo, mas já dá para tirar algumas conclusões.

A grande atração vai ser o duelo entre Fedorova e Val, duas mulheres fortes e determinadas em suas agendas.

Morena Baccarin parece ter a oportunidade de sua vida. Fedorova é uma personagem muito interessante que oportuniza à atriz um desempenho de protagonista. Neste primeiro episódio, ela até soltou uma frase em português: “Não se cutuca a onça com vara curta.”

Bathe, por sua vez, compõe uma Val mais atormentada e cheia de problemas, do desejo por divórcio do marido preso até os olhares de desconfiança de seus colegas e chefes do FBI que a relacionam com os crimes do marido.

Ela tem que se provar confiável, tecnicamente preparada, livre das acusações e ainda enfrentar Fedorova. Ufa!

THE ENDGAME iniciou muito bem. Vamos ver como continua.

This Tuesday I saw the first episode of the new American NBC series, THE ENDGAME, a crime thriller starring a powerful duo of women, the Brazilian Morena Baccarin and the American Ryan Michelle Bathe.

Elena Federova (Baccarin) is the leader of an international terrorist army who is captured by the FBI and brought under strict security for interrogation in New York. As soon as she arrives, her cronies initiate a series of bank robberies in the Big Apple, creating chaos in the city. The robberies are orchestrated by the boss who seems to be one step ahead of everyone in the FBI, Justice Department and the DA.

His nemesis arrives in the figure of FBI Special Agent Val Fitzgerald (Bathe) who has already crossed paths with the villain on previous occasions. Val is in crisis at the FBI because her husband (Kamal Angelo Bolden) was arrested for a crime he may not have committed.

In this first episode, the characters are still being introduced and the plot is being established, but we can already draw some conclusions.

The big attraction will be the duel between Fedorova and Val, two strong women determined in their agendas.

Morena Baccarin seems to have the opportunity of a lifetime. Fedorova is a very interesting character that gives the actress a leading role. In this first episode, she even uttered a phrase in Portuguese: “You can’t poke the jaguar with a short stick.”

Bathe, in turn, makes up a more tormented and troubled Val, from her imprisoned husband’s desire for divorce to the suspicious looks of her colleagues and FBI bosses who link her to her husband’s crimes.

She has to prove herself trustworthy, technically prepared, clear of the accusations and still face Fedorova. 

THE ENDGAME started very well. Let’s see how it continues.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.