CONVIDADO DE HONRA: Filme de Atom Egoyan Fascina Pelo Drama que Exibe

O cineasta egípcio residente no canadá, Atom Egoyan vem, ao longo dos 40 filmes que já dirigiu, construindo uma carreira tão interessante quanto diferenciada. Seu estilo autoral é fascinante de se ver nas telas.

Eu gosto bastante de CHLOE, com Julianne Moore e Amanda Seyfried e de EXOTICA, um de seus primeiros trabalhos, com Mia Kirshner.

CONVIDADO DE HONRA, seu filme mais recente (disponível no NOW) é, outra vez, um belo exercício de cinema narrando a história de Jim, um inspetor sanitário ( magnificamente interpretado pelo ator inglês David Thewlis, de HARRY POTTER) cuja filha é presa por assédio sexual a um menor que fazia parte da orquestra na qual ela era a mestrina.

A protagonista é a atriz canadense filha de brasileiros Laysla de Oliveira, um verdadeiro achado, capaz de uma interpretação tão bela quanto sofrida. Veronica, a personagem dela, passa o filme inteiro narrando ao sacerdote que vai fazer a missa de corpo presente de seu pai (Luke Wilson, em sensível trabalho), o drama vivido por ela e pelo pai nos últimos anos.

A câmera de Egoyan é bastante afetuosa ao focar as relações entre Jim e Roseangela, sua falecida esposa (a canadense Tenille Read), Alisha (Sochi Fried) a professora de piano da filha e, principalmente a filha Veronica (quando pequena interpretada pela menina Isabelle Franca).

Há momentos de pura poesia, como a história do coelho da menina e os cuidados do pai com o pet quando a filha vai para a prisão.

O talento de Egoyan volta a aparecer de forma notável, ao ir construindo a história dos personagens em pequenos detalhes que vão se revelando ( e ao espectador) aos poucos durante o filme. Cada nova cena acrescenta uma pedrinha ao verdadeiro quebra cabeça que compõe a história.

Não há dúvida de que o cinema de Atom Egoyan não é daqueles que todos vão gostar. Suas narrativas são lentas, minuciosas e profundas. Cada sentimento é esquadrinhado pelo cineasta até compor o quadro geral.

Gostei muito de GUEST OF HONOUR. É um excelente filme.

Over the 40 films he has directed, Egyptian filmmaker Atom Egoyan has built a career that is as interesting as it is differentiated. His authorial style is fascinating to see on screen.

I really like CHLOE, with Julianne Moore and Amanda Seyfried and EXOTICA, one of his first works, with Mia Kirshner.

GUEST OF HONOUR, his latest film (available on NOW) is, again, a beautiful exercise in cinema telling the story of Jim, a health inspector (magnificently played by English actor David Thewlis, from HARRY POTTER) whose daughter is arrested for sexual harassment of a minor who was part of the orchestra in which she was the conductor.

The protagonist is the Canadian actress, daughter of Brazilian parents Laysla de Oliveira, a real find, capable of an interpretation as beautiful as it is painful. Veronica, her character, spends the entire film narrating to the priest who is going to attend her father’s  funeral mass (Luke Wilson, in sensitive work), the drama she and her father have lived through in recent years.

Egoyan’s camera is quite affectionate as it focuses on the relationships between Jim and Roseangela, his late wife (Canadian Tenille Read), Alisha (Sochi Fried) his daughter’s piano teacher and, especially, daughter Veronica (when she was little played by Isabelle Franca).

There are moments of pure poetry, like the story of the girl’s rabbit and the father’s care for the pet when his daughter goes to prison.

Egoyan’s talent reappears in a remarkable way, as he builds up the characters’ story in small details that are revealed (also for the viewer) little by little during the film. Each new scene adds a small part to the real puzzle that makes up the story.

There is no doubt that Atom Egoyan’s cinema is not one that everyone will like. His narratives are slow, detailed and profound. Each feeling is scrutinized by the filmmaker into the big picture.

I really enjoyed GUEST OF HONOUR. It’s an excellent movie.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.