UNCHARTED – FORA DO MAPA: Mais um Filme Baseado em Video Game que Falha na Adaptação

Eu tenho uma carreira muito pequena como jogador de video games. Lá atrás, na época do Atari, até arrisquei umas aventuras no TOMB RAIDER. Mas olho com interesse verdadeiro a paixão que os jogos eletrônicos provocam em milhões de pessoas no mundo inteiro. Qual o segredo desta paixão?

Esta pergunta intrigante e desafiadora tem motivado produtores de filmes e séries a pagar milhões de dólares pelos direitos de adaptação cinematográfica dos video games mais vendidos do planeta.

Acho – não sendo a pessoa mais apropriada para emitir esta opinião – que nenhum filme ou série logrou acertar na mosca o porquê do incrível sucesso desta ramo do entretenimento.

Quando vi o trailer de FORA DO MAPA, achei que podia estar chegando o Ovo de Colombo. Pois, para minha decepção, o trailer é melhor que o filme.

Tom Holland (vindo do sucesso de SPIDERMAN), Mark Walhberg, Antonio Banderas e as lindas Sophia Ali, Tati Gabrielle e Alana Boden correm o mundo atrás dos navios do navegador português Ferdinand Magellan (para nós Fernando de Magalhães).

O diretor Ruben Fleischer até teve uma idéia interessante que foi rechear os diálogos com piadinhas relacionadas a filmes, Mas o esquema não salvou o filme.

Li em algum lugar que faltou alma ao filme. Me parece uma boa apreciação. Nada no filme parece verdadeiro. As paixões são superficiais, os perigos meio fake (nenhum vilão acerta um dos milhares de tiros que dão nos mocinhos), o sexo é pasteurizado (o filme se dirige a adolescentes?) e as melhores cenas (dois mega helicópteros carregando os navios pelos céus) são claramente efeitos digitais.

Fiquei com saudades de Indiana Jones e os CAÇADORES DA ARCA PERDIDA.

I have a very small career as a video game player. Back then, at the time of Atari, I even risked some adventures in TOMB RAIDER. But I look with real interest at the passion that electronic games ignite in millions of people around the world. What is the secret of this passion?

This intriguing and challenging question has motivated film and series producers to pay millions of dollars for film adaptation rights to the best-selling video games on the planet.

I think – not being the most appropriate person to express this opinion – that no movie or series has managed to hit the mark on the reason for the incredible success of this branch of entertainment.

When I saw the trailer for UNCHARTED, I thought the Egg of Columbus might be coming. Well, to my disappointment, the trailer is better than the movie.

Tom Holland (coming from the success of SPIDERMAN), Mark Walhberg, Antonio Banderas and the beautiful Sophia Ali, Tati Gabrielle and Alana Boden run the world after the ships of the Portuguese navigator Ferdinand Magellan (for us Fernando de Magellan).

Director Ruben Fleischer even had an interesting idea which was to fill the dialogues with movie-related jokes, but the scheme didn’t save the movie.

I read somewhere that the film lacked soul. Sounds like a good appreciation to me. Nothing in the movie feels real. The passions are superficial, the dangers are a bit fake (no villain hits one of the thousands of shots they shoot at the good guys), the sex is pasteurized (is the film aimed at teenagers?) and the best scenes (two mega helicopters carrying the ships through the skies) are clearly digital effects.

I missed Indiana Jones and RAIDERS OF THE LOST ARK.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.