AGENTE OCULTO: Outra Visão do Filme de Ação da NETFLIX

O CONVIDADO DE HOJE DO CINEMARCO É O JORNALISTA VIEIRA DA CUNHA.

Numa escala de um a cinco, três é a nota máxima que AGENTE OCULTO merece.

Apesar dos 200 milhões de dólares de sua produção, apesar de contar na direção com os Irmãos Russo, e apesar de ter um elenco de rostos conhecidos, entre eles a belezura de Ana de Armas, o filme é equivocado do começo ao fim.

É um bom roteiro mal executado: Ryan Gosling é um presidiário que recebe liberdade para atuar como um assassino terceirizado da CIA, olhem só que invenção!

Na medida em que os Irmãos Russo, acostumados a sacudir super-heróis da Marvel, tentam fazer de Ryan ele também um super-herói, erram a mão.

Há um constrangedor exagero nas ações de violência, especialmente na ridícula batalha campal em praça pública que deixa arrasado um quarteirão da linda Viena.


Ryan vive o personagem-título, Court Gentry, um ex-presidiário que é colocado a serviço da CIA em troca de sua liberdade.

Bonzinho como ele é, não tem remorso nenhum para matar, mas volta-se contra a agência quando identifica corrupção no comando.

Se você adora ação, combate e violência sem se preocupar com clichês, este é seu filme.

On a scale of one to five, three is the highest score the THE GRAY MAN deserves.

Despite the 200 million dollars of its production, despite having the Russo Brothers directing, and despite having a cast of familiar faces, among them the beauty of Ana de Armas, the film is wrong from beginning to end.

It’s a good script poorly executed: Ryan Gosling is a convict who is given freedom to act as a third-party assassin for the CIA, look what a fabrication!

As the Russo Brothers, used to shaking up Marvel superheroes, try to make Ryan himself a superhero, they get it wrong.

There is an embarrassing exaggeration in the actions of violence, especially in the ridiculous pitched battle in a public square that leaves a block of beautiful Vienna devastated.

Ryan plays the title character, Court Gentry, an ex-con who is placed in the service of the CIA in exchange for his freedom.

Good as he is, he has no remorse for killing, but turns against the agency when he sees corruption at the helm.

If you love action, combat and violence without worrying about clichés, this is your movie.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.