AS LINHAS TORTAS DE DEUS: Outro Ótimo Filme do Catalão Oriol Paulo na NETFLIX

A NETFLIX está exibindo o drama espanhol AS LINHAS TORTAS DE DEUS, um dos grandes sucessos do ano nos países de língua espanhola. O filme é dirigido pelo catalão Oriol Paulo, um jovem e prolífico roteirista e cineasta que vem fazendo uma carreira cheia de títulos muito interessantes.

São de Oriol Paul, O CORPO, o excelente THE INVISIBLE GUEST e as séries THE INNOCENT e NIGHT AND DAY. O cinema de Oriol Paul se caracteriza por hist’;orias bem narradas e filmadas, sempre com uma edição muito dinâmica que coloca o espectador em dúvida sobre para onde vai a trama que vê na tela.

LOS RENGLONES TORCIDOS DE DIÓS segue esta receita. Uma jovem que se diz detetive particular dá entrada em um hospital psiquiátrico, supostamente contratada pelo pai de um rapaz que apareceu morto durante um motim dos internados. O Pai não se conformou com as investigações rápidas e superficiais que concluíram que o jovem se suicidou.

Alice Gould é uma mulher rica que se dedica a casos misteriosos e diz estar ali para resolver o crime. Há, contudo, uma versão alternativa para a entrada de Alice: ela seria uma mulher esquizofrênica, que tentou envenenar o marido e foi por ele internada, não passando tudo de uma manipulação da mente doentia dela perante médicos, enfermeiros e pacientes.

A atriz madrilenha Bárbara Lennie faz um tour de force para viver a complexa protagonista Alice. Quem Alice realmente é? A mulher mentalmente fragilizada que sucumbe à doença ou a detetive obstinada que vai enfrentar a cruel estrutura robotizante do hospital.

Bárbara trabalha muito bem. Sua personagem se divide em duas mulheres tão diferentes quanto idênticas em suas fraquezas e hesitações. Lembra muito o trabalho de Leonardo di Caprio no ótimo filme A ILHA DO MEDO, de Martin Scorsese.

O elenco ainda tem Eduard Fernandéz, Loreto Mauleón, Javier Beltrán, Pablo Derqui, Samuel Soler, Adelfa Calvo e Luís Sacristán.

A permanente dúvida que a narrativa de Oriol Paulo coloca no espectador é reforçada pela alternância temporal das narrativas, mesclando os acontecimentos que levaram à morte do rapaz com o período em que Alice já está internada e tenta desvendar o mistério. Tudo é muito bem feito, deixando o espectador com a sensação de quem não sabe mais o que é real e o que é fantasia.

O drama tem momentos de thriller, criando um suspense palpável e que faz a gente ansiar pelo final da trama.

GOD’S CROOKED LINES é outro sucesso deste catalão talentoso chamado Oriol Paulo.

NETFLIX is showing the Spanish drama GOD’S CROOKED LINES, one of the great successes of the year in Spanish-speaking countries. The film is directed by Catalan Oriol Paulo, a young and prolific screenwriter and filmmaker who has made a career full of very interesting titles.

They are from Oriol Paul, THE BODY, the excellent THE INVISIBLE GUEST and the series THE INNOCENT and NIGHT AND DAY. Oriol Paul’s cinema is characterized by well-told and filmed stories, always with a very dynamic editing that puts the viewer in doubt about where the plot he sees on screen is going.

LOS RENGLONES TORCIDOS DE DIÓS follows this recipe. A young woman who claims to be a private detective is admitted to a psychiatric hospital, supposedly hired by the father of a boy who turned up dead during a riot of inmates. The father was not satisfied with the quick and superficial investigations that concluded that the young man committed suicide.

Alice Gould is a wealthy woman who is dedicated to mysterious cases and claims to be there to solve the crime. There is, however, an alternative version for Alice’s entry: she would be a schizophrenic woman, who tried to poison her husband and was hospitalized by him, nothing more than a manipulation of her sick mind before doctors, nurses and patients.

Madrilenian actress Bárbara Lennie makes a tour de force to play the complex protagonist Alice. Who is Alice really? The mentally fragile woman who succumbs to the disease or the obstinate detective who will face the cruel robotic structure of the hospital.

Barbara works very well. Her character is divided into two women who are as different as they are identical in their weaknesses and hesitations. It is very reminiscent of Leonardo di Caprio‘s work in Martin Scorsese‘s great film SHUTTER ISLAND.

The cast still has Eduard Fernandéz, Loreto Mauleón, Javier Beltrán, Pablo Derqui, Samuel Soler, Adelfa Calvo and Luís Sacristán.

The permanent doubt that Oriol Paulo’s narrative raises in the viewer is reinforced by the temporal alternation of the narratives, merging the events that led to the boy’s death with the period in which Alice is already hospitalized and tries to unravel the mystery. Everything is very well done, leaving the viewer with the feeling of someone who no longer knows what is real and what is fantasy.

The drama has thriller moments, creating a palpable suspense that makes us yearn for the end of the plot.

GOD’S CROOKED LINES is another hit from this talented Catalan artist called Oriol Paulo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s