DEADPOOL(2016), de Tim Miller é o que se poderia chamar de um filme descabido.

Nunca houve tantos palavrões em um filme. Ou tantas cenas escrachadas.

Acho que foi o primeiro filme de anti-super-heroi.

Como tem a produção dos Estúdios da Marvel (com direito ate mesmo a aparição do Stan Lee, o que vem se tornando quase um clássico como eram as de Alfred Hitchcock), DEADPOOL tem acabamento cinematográfico impecável.

A condição para se divertir é entrar no jogo de muitas piadas cinematográficas (citações de filmes da primeira a ultima cena), estética de videogame, muita câmera lenta, e um nonsense absoluto, deixando qualquer logica de lado.

Interpretado como uma sátira aos filmes de super-heróis, DEADPOOL funciona muito bem.

Não ha como, por exemplo, não achar engraçada a piada de que os super-heróis tem uniforme vermelho, para não se notar as manchas de sangue.

Ryan Reynolds e Morena Baccarin lutam galhardamente para defender seus personagens, fazendo piadas ate mesmo sobre suas próprias carreira no cinema.

Alias, tudo foi motive de piada para o roteiro de DEADPOOL.

Esta iconoclastia é a melhor coisa do filme.

Em resumo. DEADPOOL diverte.

E ponto.

 

Deadpool (2016), by Tim Miller is what one might call a misplaced film.

There has never been so many f words in a movie. Or so many satiric scenes.

I think it was the first anti-superhero movie.

How it has the production of Marvel Studios (entitled even the appearance of Stan Lee, which has become almost a classic as were those of Alfred Hitchcock), Deadpool has impeccable cinematic finish.

The condition to have fun is to get in the game of so many film jokes (movie quotes from first to last scene), video game aesthetics, much slow motion scenes, and an absolute nonsense, leaving logic aside.

Interpreted as a satire of superhero movies, Deadpool works very well.

For instance, it is impossible not to laugh from the joke that superheroes have red uniform, not to notice the bloodstains.

Ryan Reynolds and Morena Baccarin fight gallantly to defend their characters, even making jokes even about their own film career.

Everything motivates jokes for Deadpool script.

This iconoclasm is the best thing in the movie.

In short. Deadpool is funny.

And point.