No filme A PANTERA COR DE ROSA (1963), de Blake Edwards, entre várias grandes cenas, o depoimento do inspetor Clouseau é uma obra-prima:

Clouseau é interrogado pelo advogado de Sir Charles:

“Inspetor Clouseau, você testemunhou sob juramento certos fatos pertinentes sobre este caso. Seu testemunho sozinho tem sido a principal influência sobre o arguido.
Além do próprio Phantom, você é a principal autoridade no Phantom “.
“Fiz do Fantasma, meu trabalho da vida”.
“Você testemunhou que o Phantom foi um convidado nas festas de Miss Angela Dunning”.
“Sim.”
“Você testemunhou que foi durante ou logo depois que certos bens de Miss Dunning foram roubados”.
“Sim.”
“Quantas vezes isso aconteceu?”
“16.”
“16 festas, 16 roubos?”
“Sim.”
“E Sir Charles esteve em todas as 16 festas?”
“Todos elas.”
“E de quantas festas você participou?”
“Todos elas.”
“Ah sim? Muito interessante.”
“Você participou da primeira festa?”
“Sim.”
“As jóias foram roubadas durante ou depois da festa?”
“Depois.”
“Então, então, você sabia quando elas foram roubadas”.
“Sim.”
“Como você sabia?”
“Porque esse é o modus operandi do Phantom. Ele sempre trabalha assim “.
“Eu vejo.”
“Foram as mesmas pessoas sempre presentes em cada festa?”
“Não. A lista de convidados variou. ”
“Fora de Sir Charles, alguém estava sempre presente em cada uma dessas festas?”
“Uh … não, não, não”.
“Somente Sir Charles estava presente em cada festa quando houve um assalto?”
“Sim sim.”
“Percebo.”
“E você?”
“Eu?”
“Sim você.”
“E quanto a mim?”
“Você estava lá.”
“Sim.”
“Então, Sir Charles não era o único sempre presente em cada festa”.
“O que você está sugerindo?”
“Ainda não estou sugerindo nada …”
“Agora, o inspetor Clouseau?”
“Hm?”
“Quanto dinheiro você ganha?”
“O que isso tem a ver com isso?”
“Seu salário. Quanto um inspetor de polícia é pago?
Chega para comprar a sua esposa um casaco de vison de US$ 10.000? ”
“Não.”
“Você está ciente de que sua esposa gastou US$ 7.000
em Yves Saint Laurent apenas no mês passado? ”
“O que?”
“E dois meses antes disso, $ 4,000?”
“Impossível”.
“Sabemos que sua esposa gastou US$ 30.000 em roupas durante o ano passado”.
“Então minha esposa é frugal. Ela poupa o dinheiro do orçamento doméstico”.
(riso)
(Sino)
“$ 30,000 poupados do dinheiro do orçamento doméstico ?!”
“Sim. Nós somos casados ​​há dez anos “.
(riso)
(Sino)
“No momento em que esses assaltos começaram, o Fantasma surgiu. De uma hora para outra?”
“Sim. Não! Não, não está correto. ”
“Claro que não está correto. Claro … Aguarde. Entende…”
(Clouseau engole em seco)
(mulher) “Não é Sir Charles”.
“Ele deve ser o Fantasma!”
(mulher # 2) “Deve ser o inspetor”.
“Agora, lnsp …”
Clouseau procura o lenço e encontra o Diamante Pink Panther no bolso.
– (batida)
(Clouseau cai da cadeira)
“Não, eu não sou o fantasma!”

Clouseau conversando com um guarda:
“Não. Por favor, por favor.”
“Você está errado. Não sou o fantasma.

“Diga-me, lnspector … Signor Phantom … todos esses assaltos, como você conseguiu isso?”
“Bem, você sabe … não foi fácil”.

 

In the movie THE PINK PANTHER (1963), by Blake Edwards, among several great scenes the one of the deposition of Inspector Clouseau is a masterpiece:

Clouseau is interrogated by Sir Charles’ lawyer:

“lnspector Clouseau, you have testified under oath to certain

pertinent facts concerning this case. Your testimony alone

has been the major factorin casting suspicion on the defendant.

Aside from the Phantom himself, you are the foremost authority on the Phantom.”

“l have made the Phantom my life’s work.”

“You have testified that the Phantom has been a guest at the parties given by Miss Angela Dunning.”

“Yes.”

“You have testified that it was either during or sometime soon afterwards that certain of Miss Dunning’s guests were robbed.”

“Yes.”

“How many times did this happen?”

“16.”

“16 parties, 16 thefts?”

“Yes.”

“And Sir Charles attended all 16 of those parties?”

“All of them.”

“And how many parties did you attend?”

“All of them.”

“Oh, yes? Very interesting.”

“You attended the first party?”

“Yes.”

“The jewels were stolen during or after the party?”

“After.”

“So, then, you knew they would be stolen.”

“Yes.”

“How did you know?”

“Because that is the modus operandi of the Phantom. He always works that way.”

“l see.”

“Were the same people always present at each party?”

“No. The guest list varied.”

“Outside of Sir Charles, was anybody else always present at each of these parties?”

“Uh… no, no, no.”

“Only Sir Charles was present at each party when there was a robbery?”

“Yes, yes.”

“l see.”

“What about you?”

“Me?”

“Yes, you.”

“What about me?”

“You were there.”

“Yes.”

“Then, Sir Charles was not the only one always present at each party.”

“What are you suggesting?”

“l’m not suggesting anything… yet.”

“Now, lnspector Clouseau?”

“Hm?”

“How much money do you make?”

“What has this got to do with it?”

“Your salary. How much does a police inspector get paid?

Enough to buy your wife a $10,000 mink coat?”

“No.”

“You’re aware that your wife spent $7,000

at Yves Saint Laurent only last month?”

“What?”

“And two months before that, $4,000?”

“lmpossible.”

“We know that your wife spent $30,000 on clothes during the past year.”

“So my wife is frugal. She saves out of the housekeeping money.”

(laughter)

(bell)

“$30,000 out of the housekeeping money?!”

“Yes. We have been married for ten years.”

(laughter)

(bell)

“At the time these robberies began, the Phantom came into existence. Correct?”

“Yes. No! No, not correct.”

“Of course not correct. Of course… Wait. You see…”

(gasping)

(woman) “lt’s not Sir Charles.”

“He must be the Phantom!”

(woman # 2) “lt must be the inspector.”

“Now, lnsp…”

Clouseau looks for the handkerchief and finds the Pink Panther Diamond in his pocket.

– (crash)

(cheering)

“No, l’m not the Phantom!”

 

Clouseau talking with a guard:

“No. Please, please.”

“You’re wrong. l’m not the Phantom.

“Tell me, lnspector… Signor Phantom…all those robberies, how did you ever manage it?”

“Well, you know… it wasn’t easy.”