PERDIDOS NO ESPAÇO, série de ficção científica narrando as aventuras da Família Robinson no espaço, foi um dos maiores sucessos da história da televisão, indo ao ar entre os anos de 1965 e 1968. O Robô que soava o alarme de PERIGO, PERIGO e o Dr. Smith, precursor dos vilões totalmente egoístas, andróginos e corruptos marcaram época.

Em 1998, os produtores Irwin Allen (da série original) e Akiva Goldsmith reuniram um grande elenco para fazer um filme de longa metragem com a Família Robinson. William Hurt, Gary Oldman, Mimi Rogers, Heather Graham, Matt Le Blanc, Edward Fox e por aí vai não conseguiram superar a indigência criativa do roteiro, que fez do filme um retumbante fracasso.

Agora a NETFLIX lança uma nova versão em série, com dez episódios, numa superprodução de encher os olhos. O cuidado de cada cena e os efeitos especiais empregados são de excelência.

Molly Parker (ótima atriz canadense de GOLIATH), Parker Posey (a vilã Dra. Smith), Toby Stephens (o vilão de 007 UM NOVO DIA PARA MORRER) e os jovens Maxwell Jenkins, Taylor Russel e Mina Sundwall compões um elenco sempre interessante.

O espectador assiste aos dez episódios facilmente. E fica com vontade de ver mais. Embora seja indiscutível uma grande saudade do improvisos de cenários de papelão pintado, o robô muito menos tecnológico e um ingênuo vilão.

 

LOST IN SPACE, a science fiction series about the adventures of the Robinson Family in space, was one of the greatest hits in television history, airing between the years 1965 and 1968. The Robot saying loud the DANGER, DANGER warning, and Dr. Smith, the forerunner of wholly selfish, androgynous, and corrupt villains, was timeless.

In 1998, producers Irwin Allen (from the original series) and Akiva Goldsmith reunited a big cast to make a feature film with the Robinson Family. William Hurt, Gary Oldman, Mimi Rogers, Heather Graham, Matt Le Blanc, Edward Fox and so forth have been unable to overcome the script’s creative powerty, which has made the movie a resounding failure.

Now NETFLIX releases a new series version, with ten episodes, in an production to fill the eyes. The care of each scene and the special effects employed are of excellence.

Molly Parker (good Canadian actress of AMAZON’s GOLIATH), Parker Posey (the villain Dr. Smith), Toby Stephens (the villain of 007 A NEW DAY TO DIE) and young Maxwell Jenkins, Taylor Russel and Mina Sundwall make an always interesting cast.

The viewer watches the ten episodes easily. And you feel like seeing more. Although it is undisputed a great sadness for the lack of improvisations of painted cardboard scenarios, the much less technological robot and a naive villain.