O Canal EPIX é um dos tantos que exibem filmes de todos os gêneros e fazem algumas produções originais de séries que vão trazendo histórias variadas aos espectadores. DEEP STATE, produção original que já tem duas temporadas de dez capítulos cada uma, é uma série de espionagem estrelada pelo ator inglês Mark Stong, visto no SHERLOCK HOLMES de Guy Ritchie, KINGSMAN e O JOGO DA IMITAÇÃO.

Trata-se de um ótimo ator, cuja carreira proporcionou bem mais trabalhos como coadjuvante do que como protagonista. Aqui ele vive o agente do MI6 inglês aposentado Max Easton, que vive com a nova esposa no interior da França, criando suas duas filhas pequenas.

Certo dia começa a ser assediado por seus antigos chefes para voltar à ativa em uma última missão. O chamariz é o possível assassinato do filho de seu primeiro casamento em Istambul, Turquia por espiões duplos. Com grande relutância, Max tira a poeira das armas e vai à luta.

Um destaque do elenco é o grupo de lindas e competentes atrizes que vivem os destacados personagens femininos em um mundo usualmente reservado aos homens. Anastasia Griffith, Karima McAdams, Lynne Renee e Rachel Shelly compõem o painel feminino. Destaque para a esposa atual Anna Easton, vivida pela atriz belga Lynne Renee, vista em SPLIT e BANSHEE. A busca que ela faz pelo passado do marido, procurando entender quem ele realmente é (ou foi) é, sem dúvida, um dos pontos altos do filme.

DEEP STATE Não consegue se afastar muito dos clichês do filme clássico de espionagem, repetindo cenas já muito vistas, como as perseguições (de motos, carros ou a pé), as bombas plantadas em carros, correrias pelos telhados de casas e “snipers” matando em cenas surpreendentes.

Mas o excelente nível de produção (as locações originais na França e na Turquia) garantem um interesse crescente durante os dez episódios.

Para os fãs da espionagem, DEEP STATE é um ótimo programa.

The EPIX Channel is one of many channels that show films of all genres and make some original productions series that bring varied stories to viewers. DEEP STATE, an original production that already has two seasons of ten chapters each, is a series of espionage starring the English actor Mark Stong, seen in Guy Ritchie‘s SHERLOCK HOLMES, KINGSMAN and THE IMITATION GAME.

He is a great actor, whose career has provided much more work as a supporting actor than as a protagonist. Here he lives the retired English MI6 agent Max Easton, who lives with his new wife in the French countryside, raising his two small daughters.

One day he begins to be harassed by his former bosses to return to active duty on a last mission. The gimmick is the possible murder of the son of his first marriage in Istanbul, Turkey by double spies. With great reluctance, Max takes the dust out of the guns and goes to the fight.

A highlight of the cast is the group of beautiful and competent actresses who live the prominent female characters in a world usually reserved for men. Anastasia Griffith, Karima McAdams, Lynne Renee and Rachel Shelly make up the women’s panel. Highlight for the current wife Anna Easton, lived by the Belgian actress Lynne Renee, seen in SPLIT and BANSHEE. The search for her husband’s past, trying to understand who he really is (or was) is undoubtedly one of the highlights of the film.

DEEP STATE can not get too far from the clichés of the classic espionage films, repeating scenes already seen, such as persecutions (motorbikes, cars or walking), bombs planted in cars, raiding the roofs of houses and “snipers” killing in surprising scenes.

But the excellent level of production (the original locations in France and Turkey) guarantee a growing interest during the ten episodes.

For fans of espionage, DEEP STATE is a great program.