O ENIGMA CHINÊS: Cinema Francês Traz Mais uma Comédia Dramática Criativa e Divertida

O cinema francês mais recente tem entre seus gêneros favoritos a comédia dramática. Há títulos como ALBERGUE ESPANHOL, BONECAS RUSSAS, DENTRO DE CASA, JOVEM E BELA, UMA NOVA AMIGA, O AMANTE DUPLO, AMOR OU CONSEQUÊNCIA e o clássico do gênero, O FABULOSO DESTINO DE AMÉLIE POULAN. São filmes que abordam temas sérios, de modo profundo, mas com uma veia típica do humor francês, extraindo risadas do espectador com cenas que exploram o non sense das situações e dos personagens.

Em 2013, o cineasta francês Cedric Klapisch (ALBERGUE ESPANHOL) fez o divertido e inteligente O ENIGMA CHINÊS, contando as confusões de um escritor francês separado da mulher que resolve se mudar para Nova Iorque, onde ela foi morar com o novo marido, levando os dois filhos pequenos do casal.

Romain Duris (incrível a quantidade de filmes que ele vem fazendo), visto em DEPOIS DE PARTIR e BONECAS RUSSAS) vive o escritor Xavier Rousseau que vai parar no apartamento de uma amiga lésbica (grávida por inseminação de um filho dele), interpretada pela ótima atriz Cecile de France, que vive com a sino-americana esposa dela (a atriz Sandrine Holt, de HOMELAND), em Chinatown. Os conflitos com a ex-esposa (a bela e talentosa ruiva inglesa Kelly Reilly de ABOVE SUSPICION) são inevitáveis, aumentando as angústias de Xavier.

O diretor Klapisch é muito criativo: o filme tem animações, cenas imaginárias (a da doação de sêmen na clínica é absolutamente hilária), diálogos afiadíssimos (as diferenças culturais entre franceses e americanos é exposta cruamente, mas sempre com bom humor), entrada em cena de personagens famosos (Schopenhauer dá o ar da graça quando Xavier vai citá-lo), enfim, todos os recursos de linguagem cinematográfica para não deixar o filme cair em monotonia.

Gostei muito de ver O ENIGMA CHINÊS. Criatividade, inteligência e bom humor se juntam a temas difíceis de nosso cotidiano. Um bom programa.

The most recent French cinema has dramatic comedy among its favorite genres. There are titles such as L’AUBERGE SPAGNOLE, , RUSSIAN DOLLS, DANS LA MAISON, YOUNG AND BEAUTIFUL, A NEW FRIEND, THE DOUBLE LOVER, LOVE OR CONSEQUENCE and the classic of the genre, THE FABULOUS DESTINATION OF AMÉLIE POULAN. These are films that approach serious themes, in a profound way, but with a vein typical of French humor, extracting the viewer’s laughter with scenes that explore the non-sense of situations and characters.

In 2013, French filmmaker Cedric Klapisch (L’AUBERGE SPAGNOLE) made the fun and smart THE CHINESE PUZZLE (Casse-tête chinois), telling the confusions of a French writer separated from the woman who decides to move to New York, where she moved in with her new husband , taking the couple’s two small children.

Romain Duris (incredible amount of films he has been making), seen in RUSSIAN DOLLS) lives the writer Xavier Rousseau who ends up at the apartment of a lesbian friend (pregnant by insemination of his son), played by the great actress Cecile de France, who lives with her Chinese American wife (actress Sandrine Holt, from HOMELAND), in Chinatown. Conflicts with his ex-wife (the beautiful and talented English redhead Kelly Reilly from ABOVE SUSPICION) are inevitable, adding to Xavier’s anxieties. And we also have Audrey Tatou, always a great screen presence.

Director Klapisch is very creative: the film has animations, imaginary scenes (the semen donation at the clinic is absolutely hilarious), very sharp dialogues (the cultural differences between French and Americans is exposed in a crude way, but always with good humor) , entry into the scene of famous characters (Schopenhauer gives the air of grace when Xavier goes to quote him), in short, all the cinematographic language resources so as not to let the film fall into monotony.

I really enjoyed watching CHINESE PUZZLE. Creativity, intelligence and good humor join difficult subjects in our daily lives. A good program.

Anúncios

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.