DURANTE A TORMENTA: Suspense Espanhol Homenageia Janela Indiscreta e De Volta Para o Futuro

Filme de suspense espanhol? A NETFLIX tem vários. Um jovem cineasta Catalão chamado Oriol Paulo vem se destacando com ótimos thillers. São dele os justificadamente elogiados UN CONTRATIEMPO AN INVISIBLE GUEST) e O CORPO (THE BODY). Agora chega um terceiro trabalho, ainda mais sofisticado: DURANTE A TORMENTA (DURANTE LA TORMENTA), que ele fez em 2018, tamb’me disponível na NETFLIX.

Uma família se muda para uma casa onde anos atrás um menino que ali vivia morreu atropelado depois de denunciar que um vizinho matara a esposa. O crime bárbaro traumatizou toda a vizinhança. Certa noite o casal encontra umas antigas fitas de vídeo feitas pelo menino falecido. A jovem Vera Roy (Adriana Ugarte, de JULIETA de PEDRO ALMODOVAR sempre linda e ótima atriz) misteriosamente, durante uma tormenta de fortes proporções termina por entrar em contato com o menino e lhe avisa do perigo que ele corre. Isto basta para mudar o tempo e ela acorda formada em medicina, solteira (sem o marido e a filha) em uma realidade onde o atropelamnto não ocorreu.

O roteiro (muito bom) escrito pelo próprio Oriol Paulo epela espanhola Laura Sedim mescla fortes influências de filmes como JANELA INDISCRETA, FREQUÊNCIA e DE VOLTA PARA O FUTURO, criando uma história de suspensa, cheia de twists, cenas ricas em emoção e uma grande ansiedade do espectador por chegar ao final da trama.

Será que aquilo correu mesmo ou tudo não passa de imaginação da cirurgiã traumatizada por ter perdido uma paciente recentemente. O crime terá ocorrido ou não? Onde está o menino Nico Lasarte? “Giros de guión inesperados” é a chamada publicitária do filme, que realmente retrata o que se vê na tela.

No elenco estão, além de Adriana Ugarte, Chino Darín (sempre ótimo), Álvaro Morte (o Professor de A CASA DE PAPEL), Javier Gutierrez (MARSHLAND), Nora Navas (DOR E GLÓRIA de Almodovar), Aina Clotet, Ana Wagner, Belén Rueda e Silvia Alonso. Um cast perfeito.

O esquema da alternância temporal das duas narrativas funciona muito bem nas mãos de Oriol Paulo. As duas histórias vão se desenvolvendo até se fundiram de forma harmônica bem no final do filme, assegurando o suspense quase insuportável para o espectador.

MIRAGE é um ótimo filme de suspense. Por todas as razões merece ser visto. Mais um golaço de Oriol Paulo, um cineasta a ser seguido com atenção.

Spanish suspense movie? NETFLIX has several. A young Catalan filmmaker named Oriol Paulo has stood out with great thillers. His justifiably praised UN CONTRATIEMPO (AN INVISIBLE GUEST) and THE BODY. Now comes a third, even more sophisticated job: MIRAGE (DURANTE LA TORMENTA), which he did in 2018, also available on NETFLIX.

A family moves to a house where years ago a boy who lived there died hit by a car, after reporting that a neighbor had killed his wife. Barbarian crime has traumatized the entire neighborhood. One night the couple finds old videotapes made by the deceased boy. The young Vera Roy (Adriana Ugarte, from JULIETA by PEDRO ALMODOVAR always beautiful and great actress) mysteriously, during a storm of strong proportions ends up contacting the boy and warns him of the danger he is in. This is enough to change the time and she wakes up graduated in medicine, single (without her husband and daughter) in a reality where the crime did not occur.

The script (very good) written by Oriol Paulo himself and the Spanish Laura Sedim mixes strong influences from films such as REAR WINDOW, FREQUENCY and BACK TO THE FUTURE, creating a suspense story, full of twists, scenes rich in emotion and great anxiety of the viewer for reaching the end of the plot.

Did that really go or is it just the surgeon’s imagination traumatized by having recently lost a patient. Has the crime occurred or not? Where’s the boy Nico Lasarte? “Unexpected screen turns” is the publicity call of the film, which really portrays what is seen on the screen.

In the cast are, besides Adriana Ugarte, Chino Darín (always great), Álvaro Morte (the Professor of MONEY HEIST), Javier Gutierrez (MARSHLAND), Nora Navas (PAIN AND GLORY of Almodovar), Aina Clotet, Ana Wagner, Belén Rueda and Silvia Alonso. A perfect cast.

The temporal alternation scheme of the two narratives works very well in the hands of Oriol Paulo. The two stories unfold until they merge harmoniously towards the end of the film, ensuring the suspense is almost unbearable for the viewer.

MIRAGE is a great suspense movie. For all the reasons it deserves to be seen. Another great goal from Oriol Paulo, a filmmaker to be carefully followed.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.