BODAS VERMELHAS: Mini-série Francesa Tem Cenário Melhor que o Enredo

O app Masterpiece da Amazon Prime Video traz uma série francesa de seis capítulos que tem vários títulos (o que geralmente indica problemas) como NOUCES ROUGES, CRIMSON WEDDING e DEADLY REUNION. Os problemas de roteiro da série fica evidentes desde o início.

Um jovem chef de cozinha retorna à sua cidade natal no sul da França para o casamento de sua irmã mais jovem, depois de anos morando na Austrália. Durante a cerimônia de casamento, a noiva aparece morta em um penhasco criando um situação onde as mágoas e os mistérios do passado vão explodir com toda força.

A atriz franco-neozelandesa Alex Barlier (THE FOREST) faz a jovem Alice que tem que enfrentar a morte da irmã, o desgosto da mãe, o ressurgimento da paixão com o policial que investiga o crime (que fora seu namorada antes dela ir embora), os ciúmes da nova mulher dele e, finalmente, as sequelas da morte do irmão mais novo do policial muitos anos antes em um misterioso acidente de carro.

Alexandre Vandernoot, atriz belga vista em PRET-À-PORTER, de Robert Altman faz a jovem Géraldine que despertou paixões e ódios até sua queda no penhasco na festa de casamento. Quem ela era realmente? Quem eram seus amantes? Foi assassinato, suicídio ou acidente? Que participação ela teve no acidente que vitimou um jovem anos atrás?

A série investe forte no cenário absolutamente deslumbrante de Cap Canaille, Cassis e Bouches-du-Rhône na França. O local paradisíaco de um praia rochosa ensolarada e com um mar azul turquesa chega mesmo a ser a principal atração da mini-série, o que não há de ser necessariamente bom.

A solução final da morte ocorrida é bem interessante, mas ainda fiquei com a sensação de que um roteiro melhor trabalhado – com este mesmo argumento, elenco e cenário – poderia render muito mais.

The Amazon Prime Video Masterpiece app features a six-chapter French series that has several titles (which usually indicates problems) such as NOUCES ROUGES, CRIMSON WEDDING and DEADLY REUNION. The series’ script problems are evident from the beginning.

A young chef returns to his hometown in the south of France for the wedding of his younger sister, after years of living in Australia. During the wedding ceremony, the bride appears dead on a cliff creating a situation where the hurts and mysteries of the past will explode with full force.

French-New Zealand actress Alex Barlier (THE FOREST) ​​plays young Alice who has to face her sister’s death, her mother’s heartbreak, the resurgence of passion with the police investigating the crime (who was her girlfriend before her) leaving), the jealousy of his new wife and, finally, the aftermath of the death of the policeman’s younger brother many years earlier in a mysterious car accident.

Alexandra Vandernoot, Belgian actress seen in PRET-À-PORTER, by Robert Altman plays the young Géraldine who aroused passions and hatreds until her fall on the cliff at the wedding party. Who was she really? Who were her lovers? Was it murder, suicide or accident? What role did she play in the accident that killed a young man years ago?

The series invests heavily in the absolutely stunning setting of Cap Canaille, Cassis and Bouches-du-Rhône in France. The idyllic location of a sunny rocky beach with a turquoise blue sea is even the main attraction of the mini-series, which is not necessarily a good thing.

The final solution of the death occurred is quite interesting, but I still had the feeling that a better worked script – with this same argument, cast and scenario – could yield much more.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.