O CLUBE DOS CAFAJESTES: John Belushi e Sua Turma Anarquizam as Fraternidades Universitárias

Em 1978, fui no Cine São João (um cinema de rua que ficava na esquina da Avenida Salgado Filho com a Rua Vigário José Inácio) ver um filme de nome intrigante: O CLUBE DOS CAFAJESTES. Havia um filme clássico brasileiro chamado OS CAFAJESTES, de Ruy Guerra, celebrizado pela nudez total da atriz Norma Benguell em uma cena na praia.

O CLUBE DOS CAFAJESTES era uma comédia anárquica americana do pessoal que fazia a revista National Lampoon’s, uma publicação satírica estilo MAD, bem ao gosto dos anos setenta.

Aqui eles se debruçavam sobre a incrível tradição das universidade americanas conhecida como fraternidades. Um grupo de estudantes completamente maluco cria a Fraternidade Delta Thai Chi, interessadas em tudo menos estudar. Sexo, bebidas, drogas, voyeurismo, pegadinhas, o que fosse de malandragem interessava a eles. Rapidamente atríram a inimizade de autoridades e demais fraternidades.

O grupo de atores era excelente: John Belushi, Tom Hulce (depois o AMADEUS, de Milos Forman), Kevin Bacon, Karen Allen, Peter Riegert e Stephen Furst.

Embora não fosse o ator principal, a alma do filme era o ator americano John Belushi, como Blutarsky, um troglodita de inteligência e preguiça invulgares, interessado unicamente em cerveja e meninas. O CLUBE DOS CAFAJESTES era uma excelente comédia.

Belushi, um dos maiores comediantes de sua geração, membro destacado do programa Saturday Night Live, morreu muito cedo, aos 33 anos, por uma overdose de heroína. Deixou saudades.

In 1978, I went to Cine São João (a street cinema that was on the corner of Avenida Salgado Filho and Rua Vigário José Inácio) to see a film with an intriguing name: NATIONAL LAMPOON’S ANIMAL HOUSE. There was a classic Brazilian film called OS CAFAJESTES, by Ruy Guerra, made famous by the total nudity of actress Norma Benguell in a scene on the beach.

NATIONAL LAMPOON’S ANIMAL HOUSE was an anarchic American comedy by the people who made National Lampoon’s magazine, a MAD-style satirical publication, much to the taste of the seventies.

Here they looked at the incredible tradition of American universities known as fraternities. A group of completely crazy students creates the Delta Thai Chi Fraternity, interested in everything but studying. Sex, drinks, drugs, voyeurism, pranks, whatever trickery was of interest to them. They quickly attracted the enmity of authorities and other fraternities.

The group of actors was excellent: John Belushi, Tom Hulce (later AMADEUS, by Milos Forman), Kevin Bacon, Karen Allen, Peter Riegert and Stephen Furst.

Although he was not the main actor, the soul of the film was American actor John Belushi, like Blutarsky, a troglodyte of unusual intelligence and laziness, interested only in beer and girls. NATIONAL LAMPOON’S ANIMAL HOUSE was a great comedy.

Belushi, one of the greatest comedians of his generation, a prominent member of the Saturday Night Live program, died very early, at the age of 33, from a heroin overdose. He missed you.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.