CONVENÇÃO DAS BRUXAS (2020): Muito Talento Junto Para Mostrar Medo e Coragem

A Warner Bros. e a HBO MAX estão lançando nesta fase de fade out da pandemia o filme CONVENÇÃO DAS BRUXAS, que o premiado cineasta americano Robert Zemmeckis (DE VOLTA PARA O FUTURO, FORREST GUMP e NÁUFRAGO) rodou como uma refilmagem vitaminada do clássico que Nicolas Roeg fez em 1990, com Anjelica Huston como a Bruxa Suprema (Grand High Witch).

A história é muito divertida. Um menino órfão que é criado pela avó, vai parar em um hotel de luxo no sul dos Estados Unidos, onde está se realizando justamente uma CONVENÇÃO DAS BRUXAS, uma espécie de encontro anual delas, planejando exterminar as crianças do mundo, transformando-os em ratos com uma poção mágica. O livro original foi escrito pelo escritor galês Road Dahl, co-roteirista de COM 007 SÓ SE VIVE DUAS VEZES.

A nova versão ganhou importantes talentos em sua produção. Nada mais, nada menos que os extraordinários Guillermo del Toro (o cineasta mexicano de A FORMA DA ÁGUA e O LABIRINTO DE PAN), co-autor do roteiro e Alfonso Cuarón (cineasta mexicano de GRAVIDADE e ROMA) que co-produz o filme. Zemmeckis, Del Toro e Cuarón são um trio de luxo, altos talentos do cinema atual.

A HBO caprichou em tudo no filme. O elenco é liderado por um trio de excelência. A talentosa Anne Hathaway vive a Bruxa suprema, um personagem por tudo assustador. Seu poder de sedução para atrair crianças incautas com barras de chocolate somente é igualado por sua verdadeira figura repulsiva revelada em um show de efeitos especiais. A sempre notável Octavia Spencer faz a avó do protagonista, uma mulher sulista vivida o suficiente para apresentar a vida (e suas armadilhas) ao neto Hero Boy(o jovem e expressivo Jahzir Bruno (ATLANTA). A elas se junta Stanley Tucci, como sempre excepcional como o Gerente Geral do Hotel onde toda a confusão vai se desenvolver. A voz do protagonista quando adulto – que narra o filme em off – é de Cris Rock.

Como cereja do bolo, há uma trilha sonora maravilhosa de Alan Silvestri, o notável compositor de scores magníficos como DE VOLTA PARA O FUTURO e VINGADORES. E ainda tem a fotografia do premiado Don Burgess (FORREST GUMP e CAST AWAY).

Este novo filme aborda com precisão temas modernos como o medo de viver, a obesidade, a sedução dos vícios, o preconceito racial a amizade, a relação entre avós e netos, tudo com um misto de humor negro (até um pouco assustador) e uma visão inovadora e divertida da história.

CONVENÇÃO DAS BRUXAS 2020 entra em cartaz nos cinemas (e no app da HBO MAX) como um dos marcos no novo normal no ramo cinematográfico. Claro que vê-lo na imersiva sala escura e em tela grande sempre será uma experiência muito mais rica da viagem à infância de Zemmeckis, Del Toro e Cuarón.

Warner Bros. and HBO MAX are releasing in this fade out phase of the pandemic the movie THE WITCHES, which the award-winning American filmmaker Robert Zemmeckis (BACK TO THE FUTURE, FORREST GUMP and CAST AWAY) shot as a vitamin remake of the classic that Nicolas Roeg did in 1990, with Anjelica Huston as the Grand High Witch.

The story is a lot of fun. An orphaned boy who is raised by his grandmother, ends up in a luxury hotel in the southern United States, where a WITCH CONVENTION is taking place, a kind of annual meeting, planning to exterminate the children of the world, transforming them into rats with a magic potion. The original book was written by Welsh writer Road Dahl, co-writer of 007 YOU ONLY LIVE TWICE.

The new version gained important talents in its production. Nothing more, nothing less than the extraordinary Guillermo del Toro (the Mexican filmmaker of THE FORM OF WATER and PAN’S LABYRINTH), co-author of the script and Alfonso Cuarón (Mexican filmmaker of GRAVITY and ROME) who co-produced the film. Zemmeckis, Del Toro and Cuarón are a trio of luxury, top talents in current cinema.

HBO did everything in the movie. The cast is led by a trio of excellence. The talented Anne Hathaway plays the Grand High Witch, an all-frightening character. Her seductive power to attract unsuspecting children with chocolate bars is only matched by her true disgusting figure revealed in a special effects show. The always remarkable Octavia Spencer plays the protagonist’s grandmother, a southern old woman who is long enough to present her life (and her traps) to her grandson Hero Boy (the young and expressive Jahzir Bruno (ATLANTA). add to them Stanley Tucci, exceptional as the General Manager of the Hotel where all the confusion will develop. The voice of the protagonist as an adult – who narrates the film off – is Cris Rock.

As cherry of the cake, there’s a wonderful soundtrack by Alan Silvestri, the notable composer of magnificent scores like BACK TO THE FUTURE and AVENGERS. And there’s still the photograph of the award-winning Don Burgess (FORREST GUMP and CAST AWAY).

This new film accurately addresses modern themes such as fear of living, obesity, seduction of addictions, racial prejudice, friendship, the relationship between grandparents and grandchildren, all with a mixture of black humor (even a little scary) and a innovative and fun view of history.

THE WITCHES 2020 will be shown in theaters (and on the HBO MAX app) as one of the milestones in the new normal in the cinema industry. Of course, seeing it in the immersive dark room and on the big screen will always be a much richer experience of the childhood journey of Zemmeckis, Del Toro and Cuarón.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.