DOMINIQUE SANDA: Uma Mulher Delicada

Dominique Sanda é uma atriz francesa nascida em Paris, em 11 de março de 1951.

Para quem não sabe, durante a V Mostra Internacional de Cinema de Porto Alegre, do Clube de Cinema de Porto Alegre, Sanda veio a Porto Alegre e participou de entrevistas, pré-estréias e mesas redondas.

Olhando o currículo desta diva, encontramos como os diretores mais ilustres que contaram com a arte dela em representar: Bernardo Bertolucci (NOVECENTO e O CONFORMISTA), Lina Wertmuller (IL DECIMO CLANDESTINO), Luchino Visconti (VIOLÊNCIA E PAIXÃO), Mauro Bolognini (A HERANÇA DOS FERRAMONTI), Vittorio de Sicca (O JARDIM DOS FIZI CONTINI), Robert Bresson (UMA MULHER DELICADA), Maximillian Schell (O PRIMEIRO AMOR) e Liliana Cavani (ALÉM DO BEM E DO MAL).

Chega ou quer mais?

Hoje, aos 70 anos, Dominique Sanda segue atuando e sendo uma mulher delicada.

Dominique Sanda is a French actress born in Paris on March 11, 1951.

For those who don’t know, during the V International Film Festival in Porto Alegre, Sanda came to Porto Alegre and participated in interviews, previews and round tables.

Looking at the curriculum of this diva, we find as the most illustrious directors who counted on her art in acting: Bernardo Bertolucci (NOVECENTO and IL CONFORMISTA), Lina Wertmuller (IL DECIMO CLANDESTINO), Luchino Visconti (VIOLENCE AND PASSION), Mauro Bolognini (THE HERITAGE OF FERRAMONTI), Vittorio de Sicca (THE GARDEN OF FIZI CONTINI), Robert Bresson (A DELICATE WOMAN), Maximillian Schell (THE FIRST LOVE) and Liliana Cavani (BEYOND GOOD AND EVIL).

Enough or want more?

Today, at 70, Dominique Sanda remains acting as a delicate woman.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.