SEGREDOS DA PAIXÃO: Na Guerra Civil Espanhola Houve Dragões

O melhor do filme sobre a Guerra Civil Espanhola SEGREDOS DA PAIXÃO é seu título original THERE BE DRAGONS, uma brilhante metáfora para segredos, traições, corrupção, espionagem, paixões secretas, tragédias efim tudo que aconteceu em uma das guerras mais sangrentas da humanidade.

Dougray Scott, Olga Kurylenko, Rodrigo Santoro, Charlie Cox (um dos raros papeis do DEMOLIDOR da MARVEL), Wes Bentley (com horrorosa maquiagem quando velho), Geraldine Chaplin (Uma lenda) e Derek Jacoby fazem o excepcional elenco.

O filme narra a volta a Madri de um jornalista para cobrir a canonização de um santo espanhol, o Padre Josemaria Escrivá. Ao fazer contato com seu velho pai (com quem não fala há oito anos), descobre que os dois foram muito amigos e cedo na vida se separaram por destinos diversos na Guerra Civil Espanhola. A pesquisa se torna uma busca de suas próprias origens.

A Guerra Civil Espanhola (de clássico como POR QUEM OS SINOS DOBRAM, ou ótimos filmes mais recentes como GUERNICA) é um cenário perfeito para filmes de guerra focados em tragédias pessoas e relacionamentos épicos.

THERE BE DRAGONS, uma curiosa co-produção de Estados Unidos, Espanha e Argentina podia ter ido mais longe, mas mesmo assim pela competência dos envolvidos (inclusive o Diretor Roland Joffé, dos maravilhosos A MISSÃO e GRITOS DO SILÊNCIO) se torna um filme bastante atraente e bom de se ver.

A história da Guerra Civil por si só segura a barra.

The best of the film about the Spanish Civil War SECRETS OF PASSION is its original title THERE BE DRAGONS, a brilliant metaphor for secrets, betrayals, corruption, espionage, secret passions, tragedies and everything that happened in one of the bloodiest wars in the humanity.

Dougray Scott, Olga Kurylenko, Rodrigo Santoro, Charlie Cox (one of the rfew roles of the MARVEL DAREDEVIL), Wes Bentley (with horrific makeup when old), Geraldine Chaplin (A legend) and Derek Jacoby make the exceptional cast.

The film tells of a journalist’s return to Madrid to cover the canonization of a Spanish saint, Father Josemaria Escrivá. When making contact with his old father (with whom he has not spoken for eight years), he discovers that the two were very close friends and early in life they separated for different destinations in the Spanish Civil War. Research becomes a search for his own origins.

The Spanish Civil War (classic like FOR WHOM TH BELLS TOLLS, or great newer films like GUERNICA) is a perfect setting for war films focused on human tragedies and epic relationships.

THERE BE DRAGONS, a curious co-production from the United States, Spain and Argentina could have gone further, but even so, due to the competence of those involved (including Director Roland Joffé, author of the wonderful movies THE MISSION and THE KILLING FIELDS) becomes a very attractive film and good to see.

The Spanish Civil War history alone holds the bar.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.