LA CAZA. MONTEPERDIDO: Série Policial Espanhola Traz História Cheia de Mistérios nos Pirineus Espanhóis

O NOW está exibindo a série espanhola LA CAZA.MONTEPERDIDO, uma trama policial com oito episódios de quase duas horas cada um, produzida pela RTVE. A história mostra duas jovens meninas que desaparecem em uma pequena comunidade no interior da Espanha. Cinco anos depois, há um acidente de carro em que o motorista morre e a passageira que fica hospitalizada é uma das meninas desaparecidas. Dois policias são enviados de Madri para, junto com a Polícia local, desvendar o caso.

Evidentemente, a comunidade local – sempre traumatizada com o desaparecimento – entra em ebulição com a volta de uma das meninas. Onde está a outra? estará viva? Quem as raptou? Onde ficaram este tempo todo? O que aconteceu com elas?

Filmado em deslumbrantes paisagens dos Pirineus espanhóis, no Vale do Benasque, LA CAZA. MONTEPERDIDO mergulha nos conflitos dos policiais que chegam (a Sargento Sara Campos e seu chefe e mentor Santiago Bain) com a força local liderada pelo Policial Victor Gamero que pouco desvendou em cinco anos do desaparecimento das meninas.

O roteiro é bem criativo e imagina situações bastante interessantes. Todo mundo naquela cidade de vida monótona e regrada esconde alguma agenda própria que não pode vir à luz.

O elenco é muito bom. A atriz e ex-modelo espanhola Megan Montaner lidera o cast como a angustiada Sara Campos, obstinada por resolver o caso, mas autodestrutiva em sua solidão, dependência de remédios e falta de cuidados com a própria saúde. Francisco Lorenzo (o duro chefe Santiago), Alain Hernandéz (o Policial Victor que se engaja da investigação apesar de seus segredos), Carla Diaz (Ana, a menina que reaparece), Bea Segura (a mãe de Ana) e Mar Sodupe ( a mãe da menina que segue sumida) compõem bem seus personagens.

Não há como não criticar a metragem exagerada da série. Quase 16 horas de trama foi demais. Há muitas cenas que se repetem dezenas de vezes, sem qualquer acréscimo dramático à história. Longos “travellings” de carros nas estradas da região (belíssima repita-se) se multiplicam em cada episódio. Faltou coragem para cortar muita coisa.

De qualquer sorte há evidente capricho na produção da série, garantindo que o espectador fique o tempo inteiro aguardando pela próxima pista sobre o mistério. São muitos os suspeitos e poucas as evidências.

LA CAZA. MONTEPERDIDO fez tanto sucesso que já ganhou uma continuação. Sara Campos e Victor Gamero estarão em LA CAZA. TRAMUNTANA, agora resolvendo outro crime na região de Mallorca. Vem aí outra competente história policial espanhola.

NOW is showing the Spanish series LA CAZA.MONTEPERDIDO, a thriller with eight episodes of almost two hours each, produced by RTVE. The story shows two young girls who disappear in a small community in the interior of Spain. Five years later, there is a car accident in which the driver dies and the passenger who is hospitalized is one of the missing girls. Two policemen are sent from Madrid to, together with the local police, solve the case.

Evidently, the local community – always traumatized by the disappearance – comes to a boil with the return of one of the girls. Where’s the other one? Is she alive? Who kidnapped them? Where have the girls been all this time? What happened to them?

Shot in stunning landscapes of the Spanish Pyrenees, in the Benasque Valley, LA CAZA. MONTEPERDIDO delves into the conflicts of the incoming police officers (Sergeant Sara Campos and his boss and mentor Santiago Bain) with the local force led by Policeman Victor Gamero, who has revealed little in five years of the girls’ disappearance.

The script is very creative and imagines very interesting situations. Everyone in that city of monotonous and ruled life hides its own agenda that cannot come to light.

The cast is very good. Spanish actress and former model Megan Montaner leads the cast as the anguished Sara Campos, obstinate in resolving the case, but self-destructive in her loneliness, dependence on medication and lack of health care. Francisco Lorenzo (tough chief Santiago), Alain Hernandéz (Policeman Victor who engages in the investigation despite his secrets), Carla Diaz (Ana, the girl who reappears), Bea Segura (Ana’s mother) and Mar Sodupe (the mother of the girl who is still missing) make up her characters well.

There is no way not to criticize the exaggerated footage of the series. Almost 16 hours of plot time was too much. There are many scenes that are repeated dozens of times, without any dramatic addition to the story. Long “travellings” of cars on the roads of the region (beautiful I repeat) multiply in each episode. It lacked the courage to cut a lot.

In any case, there is an evident whim in the production of the series, ensuring that the viewer is always waiting for the next clue about the mystery. There are many suspects and little evidence.

LA CAZA. MONTEPERDIDO was so successful that it has already won a sequel. Sara Campos and Victor Gamero will be in LA CAZA. TRAMUNTANA, now solving another crime in the region of Mallorca. Here comes another competent Spanish police story.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.