LA QUIETUD: O Amor, o Erotismo e a Rivalidade de Duas Irmãs na Argentina de Pablo Trapero

A Amazon Prime Video Brasil está exibindo o filme argentino LA QUIETUD, um drama que o cineasta Pablo Trapero fez em 2018.

Mia (Martina Gusman de CARANCHO) e Eugeni (Bérénice Bejó de O ARTISTA) se reencontram quando a mais nova volta a Buenos Aires para ver o pai pela última vez. O pai foi um estancieiro da elite argentina, colaborador da ditadura e recentemente sofreu um AVC e está à morte. A mãe Esmeralda (incrível trabalho da veterna Graciela Borges, de LA CIENAGA) recebe as filhas em um momento de muita dor, mas vê neste encontro familiar a chance de zerar os fantasmas do passado.

Pablo Trapero é um dos mais reconhecidos e prolíficos cineasta argentinos da atualidade. CARANCHO, O CLAN e WHITE ELEPHANT são três de seus mais premiados trabalhos.

Em LA QUIETUD ele dá um passo à frente. O filme é primorosamente construído, fugindo ao esperado e ao banal sempre que possível. Há cenas impactantes como a inicial das duas irmãs na cama dividindo memórias eróticas. Aliás, um dos diferenciais de LA QUIETUD é que a câmera de Trapero não se furta em mostrar que o relacionamento entre as duas irmãs (Gusman e Bejó às vezes iguais às vezes muito diferentes) tem no erotismo um de seus pontos essenciais.

Os namorados Esteban (Joaquin Furriel) e Vincent (Edgar Ramirez) igualmente são paixões e parceiros sexuais compartilhados na simbiótica relação das duas protagonistas.

LA QUIETUD é muito forte, denso e visualmente encantador. Acho que a inclusão – muito en passant – das menções aos tempos terríveis da ditadura militar argentina ficaram um pouco superficiais. Mas de qualquer sorte agregaram outro elemento de profunda dramaticidade à história. Trapero ainda tem tempo de inserir algumas cenas de humor muito eficazes em seu filme.

O filme é muito acima da média. O cinema argentino segue nos surpreendendo a cada nova produção, com filmes avançados, cinematograficamente brilhantes e contundentes como cinema e como reflexão sobre a vida.

Amazon Prime Video Brazil is showing the Argentine film LA QUIETUD, a drama that filmmaker Pablo Trapero made in 2018.

Mia (Martina Gusman from CARANCHO) and Eugeni (Bérénice Bejó from THE ARTIST) meet again when the youngest returns to Buenos Aires to see her father for the last time. The father was a rancher of the Argentine elite, a collaborator of the dictatorship and recently suffered a stroke and is dying. The mother Esmeralda (incredible work by the veteran Graciela Borges, from LA CIENAGA) receives her daughters in a moment of great pain, but she sees in this family meeting a chance to erase the ghosts of the past.

Pablo Trapero is one of the most recognized and prolific Argentine filmmakers today. CARANCHO, THE CLAN and WHITE ELEPHANT are three of his most awarded works.

In LA QUIETUD he steps forward. The film is exquisitely constructed, evading the expected and banal whenever possible. There are memorable scenes like the initial of the two sisters in bed sharing erotic memories. As a matter of fact, one of LA QUIETUD‘s differentials is that Trapero’s camera does not shy away from showing that the relationship between the two sisters (Gusman and Bejó sometimes equal, sometimes very different) has eroticism as one of its essential points.

Lovers Esteban (Joaquin Furriel) and Vincent (Edgar Ramirez) are equally shared passions and sexual partners in the symbiotic relationship of the two protagonists.

LA QUIETUD is very strong, dense and visually charming. I think the inclusion – very en passant – of mentions of the terrible times of the Argentine military dictatorship was a little superficial. But in any case, they added another element of profound drama to the story. Trapero still has time to put some humor scenes in the plot. 

The movie is way above average. Argentine cinema continues to surprise us with each new production, with advanced films, cinematically brilliant and forceful as cinema and as a reflection on life.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.