THE MUSEUM: Série Galesa Mistura Thriller, Brigas Familiares, Infidelidade e Intriga Política

A série THE MUSEUM (no original galês YR AMGUEDDFA) está em exibição no app da BRIT BOX, com seus seis capítulos.

A recém empossada Diretora de um Museu governamental se envolve amorosamente com o namorado do filho, num romance secreto e apaixonado. O rapaz tem um passado nebuloso com uma condenação que fica em segredo de justiça porque era menor. Em casa a protagonista tem uma crise atrás da outra. O marido frio e distante, a filha maluquete, um filho tentando afirmar sua homossexualidade e a mãe reclusa.

No trabalho ela é confrontada dia a dia com os colegas que aspiravam o posto que ela conquistou e que não hesitariam em lhe derrubar por uma razão verdadeira ou falsa.

É neste contexto que Della (a atriz galesa Nia Roberts) vai vivendo, agora muito motivada pelo novo desafio no trabalho e pela paixão ardente que reacendeu sua vida amorosa. Roberts faz um ótimo trabalho.

Stefan Cennydd (como o namorado Caleb), Steffan Rhodri (o marido Alun), Sharon Morgan (a mãe Elinor) e Samuel Morgan-Davis e Mared Jarman (como os filhos Daniel e Marged) fazem um bom trabalho.

A produção é boa, a alternância dos pontos de vista com que os fatos são mostrados e recontados foi uma boa estratégia e o suspense sobre o final também elevou a série.

Vale a pena ver, só pela diferença do ritmo narrativo galês.

THE MUSEUM é uma boa série.

The series THE MUSEUM (in the original Welsh YR AMGUEDDFA) is on display in the BRIT BOX app, with its six chapters.

The newly installed Director of a Government Museum becomes romantically involved with her son’s boyfriend, in a secret and passionate romance. The boy has a hazy past with a conviction that remains a secret from justice because he was a minor. At home, the protagonist has one crisis after another. The cold and distant husband, the crazy daughter, a son trying to assert his homosexuality, and the reclusive mother.

At work she is confronted day by day with colleagues who aspired to the position she has conquered and who would not hesitate to overthrow her for a true or false reason.

It is in this context that Della (Welsh actress Nia Roberts) has been living, now very motivated by the new challenge at work and the burning passion that has rekindled her love life. Roberts does a great job.

Stefan Cennydd (as boyfriend Caleb), Steffan Rhodri (husband Alun), Sharon Morgan (mother Elinor) and Samuel Morgan-Davis and Mared Jarman (as sons Daniel and Marged) do a good job.

The production is good, the alternation of points of view with which the facts are shown and recounted was a good strategy and the suspense about the ending also elevated the series.

It’s worth seeing, just because of the difference in the Welsh narrative rhythm.

THE MUSEUM is a good series.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.