MAYOR OF KINGSTOWN: Série Original do Paramount+ Inicia Tão Tensa Quanto Promissora

Estreou neste domingo (tem no paramount + e na Apple TV) a série de dez capítulo MAYOR OF KINGSTOWN, uma super produção idealizada por Taylor Sheridan (SICARIO, HELL OR HIGH WATER e WIND RIVER) e produzida por Antoine Fuqua (DIA DE TREINAMENTO).

A trama mostra três irmãos que vivem na pequena cidade de Kingstown (Michigan), comandando os presídios locais à base de tráfico de influência, favores entre grupos rivais e guardas que se deixam seduzir por pequenas benesses.

Os irmãos McLusky são Mike (o sempre ótimo Jeremy Renner), Mitch (Kyle Chandler) e Kyle (Taylor Handley). A mãe deles, que dá aula no presídio feminino é Mariam (a excepcional Diane Wiest).

A série iniciou de uma forma tão tensa como espetacular. A surpreendente morte de um dos personagens centrais deixou os espectadores sem acreditar no que viram. Como assim?

Uma produção impecável assegura que se veja MAYOR OF KINGSTOWN sem tirar os olhos da tela. Trata-se de uma narrativa hipnótica e viciante. Pura tensão.

Por certo vou voltar a Kingstown. Os dois primeiros capítulos deixaram um forte gosto de “quero mais.”

The ten chapter series MAYOR OF KINGSTOWN premiered this Sunday (it has on Paramount + and Apple TV), a super production conceived by Taylor Sheridan (SICARIO, HELL OR HIGH WATER and WIND RIVER) and produced by Antoine Fuqua (TRAINING DAY).

The plot shows three brothers who live in the small town of Kingstown (Michigan), running local prisons based on influence peddling, favours between rival groups and guards who let themselves be seduced by small gifts.

The McLusky brothers are Mike (the always great Jeremy Renner), Mitch (Kyle Chandler) and Kyle (Taylor Handley). Their mother, who teaches at the women’s prison, is Mariam (the exceptional Diane Wiest).

The series started in a way as tense as it was spectacular. The surprising death of one of the central characters left viewers disbelieving what they saw. What do you mean?

A flawless production ensures that you see MAYOR OF KINGSTOWN without taking your eyes off the screen. It is a hypnotic and addictive narrative. Pure tension.

I will definitely go back to Kingstown. The first two chapters left a strong taste of “I want more.”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.