2:22 – ENCONTRO MARCADO: Produção Australiana Tem Elenco Jovem e Bonito Mas História Fraca e Sem Sentido

Quem olha os filmes de longa metragem no HULU encontra filmes originários de inúmeros países. Da Austrália vem a produção 2:22 – ENCONTRO MARCADO, dirigida pelo cineasta e produtor Australiano Paul Currie. Uma das grandes vantagens dos atuais sistemas de streaming é justamente o de dar acesso a muitos filmes e séries de cinematografias anteriormente difíceis de serem acessdadas e conhecidas.

Um operador de vôo do Aeroporto JFK em Nova Iorque (o ator holandês Michael Huisman, de GAME OF THRONES e ADALINE) tem um momento de distração e quase provoca um desastre de proporções épicas. Suspenso de suas funções, começa a observar que sua vida tem acontecimentos repetidos todos os dias, até algum incidente na maravilhosa Grand Central Station, sempre às 2h22min.

Estes fatos impactam diretamente seu namoro com a lindíssima Gerente de Galeria de Arte Sarah Barton (a jovem atriz e modelo australiana Teresa Palmer vista em MEU NAMORADO É ZUMBI e ATÉ O ÚLTIMO HOMEM). Ela enlouquece com as teorias conspiratórias do namorado e cai nos braços do misteriosos artista plástivo e chefe vivido pelo também australiano Sam Reid (ator do ótimo 71: ESQUECIDO EM BELFAST).

O elenco – preferencilamente australiano tem o consagrado ator John Waters e os jovens Kerry Armstrong, Maeve Dermody e Simone Kassell, estes últimos fulgurantemente jovens e bonitos. Aliás a produção capricha tanto na plasticidade de suas cenas que deixa em segundo plano sua história cheia de pontos obscuros e incompreensíveis.

O desfecho da intriga é bastante decpcionante já que não apresenta qualquer explicação para seus múltiplos mistérios. Embora formalmente muito bem feito, 2:22 – ENCONTRO MARCADO perdeu a oportunidade de ter um nível bem superior.

Anyone who looks the feature films at HULU finds movies from many countries. From Australia comes the 2017 production 2:22, directed by Australian filmmaker and producer Paul Currie. One of the great advantages of the current streaming systems is precisely to give access to many films and TV series of countries previously difficult to be accessed and known.

A flight operator from JFK Airport in New York (Dutch actor Michael Huisman of GAME OF THRONES and ADALINE) has a moment of distraction and almost causes a disaster of epic proportions. Suspended from his duties, he begins to notice that his life has repeated events every day, until some incident in the marvelous Grand Central Station, always at 2:22 p.m.

These facts directly impact your relationship with the beautiful Art Gallery Manager Sarah Barton (the young actress and Australian model Teresa Palmer seen in WARM BODIES and HACKSAW RIDGE). She goes crazy with her boyfriend’s conspiracy theories and falls into the arms of the mysterious plastic artist and boss lived by the Australian Sam Reid (actor of the great 71′).

The cast – preferably Australian has the acclaimed veteran actor John Waters and the youngers Kerry Armstrong, Maeve Dermody and Simone Kassell, the latter glowing young and beautiful. In fact the production focuses so much in the plasticity of its scenes that leaves in second level its history full of obscure and incomprehensible points.

The outcome of the intrigue is quite confused and disapointing as it has no explanation for its multiple mysteries. Although formally very well done, 2:22 missed the opportunity to target a much higher level.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s