CATHERINE, THE GREAT: HBO Erra o Alvo e Desperdiça Ótimos Atores em Série Monótona

A HBO raramente erra o alvo em suas produções: TRUE DETECTIVE, BIG LITTLE LIES, SHARPING OBJECTS são todas série top de linha, produtos de excelência técnica e histórias que envolvem profundamente o espectador.

Por isto, ao ver uma nova produção original da HBO (aqui com a inglesa SKY), chamada CATHERINE, THE GREAT, estrelada pela extraordinária Helen Mirren, fui logo assistir, certo de ver outro grande trabalho.

São quatro capítulos com recursos de produção, fotografia, cenário e figurinos de época excepcionais. Um elenco de primeira linha: além de Mirren, Jason Clarke, Rory Kinnear, Gina McKee, Clive Russel e Paul Kay.

Grossa decepção. O roteiro jamais consegue envolver, não existe química entre os atores e, ao menos na minha opinião houve um grosseiro erro de casting: quando a história inicia, a Imperatriz da Rússia Katherine teria perto de trinta anos e, além de governar com mão de ferro, se dedicava a seduzir e colecionar amantes em histórias tórridas de paixão.

Helen Mirren, uma atriz impecável, repita-se, tem 74 anos. Suas cenas de sedução soam extremamente artificiais. Aparecer com um filho adolescente outra vez afasta a credibilidade do filme e gela o espectador.

O sentimento que fiquei foi de decepção, frustração e distância do enredo e dos personagens. Acho que desta vez, a HBO errou feio.

HBO rarely misses the mark in their productions: TRUE DETECTIVE, BIG LITTLE LIES, SHARPING OBJECTS are all top notch series, products of technical excellence and stories that deeply engage the viewer.

So when I saw a new original production from HBO (here with the English SKY), called CATHERINE, THE GREAT, starring the extraordinary Helen Mirren, I want to watch soon, sure to see another great work.

There are four chapters with big resources of production, photography, scenery and exceptional period costumes. A first-rate cast: plus Mirren, Jason Clarke, Rory Kinnear, Gina McKee, Clive Russel, and Paul Kay.

Big disappointment. The script can never get involved, there is no chemistry between the actors and, at least in my opinion there was a gross miscasting: when the story begins, the Russian Empress Katherine would have been in her late thirties and, besides ruling with an iron fist , was dedicated to seducing and collecting lovers in torrid stories of passion.

Helen Mirren, a flawless actress, is 74 years old. Her seductive scenes sound extremely artificial. Appearing with a teenage son again detracts from the film’s credibility and freezes the viewer.

The feelings I got was disappointment, frustration and distance from the plot and the characters. I think this time, HBO made a bad mistake

One Reply to “CATHERINE, THE GREAT: HBO Erra o Alvo e Desperdiça Ótimos Atores em Série Monótona”

Deixe uma resposta para Isaac Menda Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s