FILMES DE NATAL: Clássicos, Novos e Duvidosos

Os chamados FILMES DE NATAL são uma tradição tão forte na sociedade americana, como aqueles suéteres horrorosos com motivos natalinos ou o Especial de Roberto Carlos aqui no Brasil. O canal Hallmark – bem familiar – chega a lançar anualmente dez filmes novos com temática de Natal, para serem vistos pelas famílias durante o mês de dezembro.

O filme de Natal por excelência é, por razões óbvias, A FELICIDADE NÃO SE COMPRA (IT’S A WONDERFUL LIFE), que Frank Capra rodou em 1946, com James Stewart, Donna Reed, Lionel Barrymore, Thomas Mitchell e Ward Bond. Um anjo vem do céu na época de Natal para mostrar a um executivo desesperado pelo sumiço de um valor como a vida tem coisas maravilhosas. O filme não virou clássico por acaso. É uma pequena obra prima. Impossível não chorar.

A quantidade de ótimos filmes de Natal é imensa.

Eu gosto muito de ESQUECERAM DE MIM, de Chris Columbus. Acho criativo, divertido e emocionante.

Esta semana ressurgiu nos Estados Unidos a discussão se DURO DE MATAR é um XMas Movie? Na minha opinião, não. Tem violência demais para uma Noite de Natal. Mas que é muito bom de ver (e rever) isto não há dúvida.

The so-called CHRISTMAS MOVIES are such a strong tradition in American society, like those horrible sweaters with Christmas motifs or the Roberto Carlos Special here in Brazil. The Hallmark channel – very familiar – even launches ten new Christmas-themed films annually, to be seen by families during the month of December.

The quintessential Christmas movie is, for obvious reasons, IT’S A WONDERFUL LIFE, which Frank Capra shot in 1946 with James Stewart, Donna Reed, Lionel Barrymore, Thomas Mitchell and Ward Bond. An angel comes from heaven at Christmas time to show an executive desperate for a value to disappear as life has wonderful things. The film did not become classic by chance. It is a small masterpiece. Impossible not to cry.

The number of great Christmas movies is immense.

I really like HOME ALONE, by Chris Columbus. I find it creative, fun and touching.

This week the discussion arose in the United States whether DIE HARD is an XMas Movie? In my opinion, no. There is too much violence for a Christmas Eve. But it is very good to see (and review) this there is no doubt.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.