UNITED: A História de uma Tragédia Origina um Ótimo Filme

Eu me considero um grande fã da Premier League, o campeonato inglês que, por todos os motivos é o melhor torneio nacional de futebol do mundo. Lá estão os melhores jogadores, os clubes mais tradicionais, a melhor organização, os gramados mais perfeitos, os estádios com maior história, as melhores transmissões de TV, enfim, tudo do bom e do melhor.

Por tudo isso, foi com certa surpresa que ontem encontrei o filme UNITED, de James Strong no app BRITBOX, da Amazon Prime. O filme narra a história real da morte de oito jogadores do time do Manchester United (e inúmeros membros da comissão técnica, jornalistas e dirigentes) na queda de um avião no Aeroporto de Munique, em 1958.

O episódio – até então desconhecido para mim – gerou um filme apaixonante e interessante. O time de então do Man United era excepcional e ficou conhecido como os “Busby Babies”, pela sua juventude e ousadia. Ao voltar de Belgrado, onde venceu o Estrela Vermelha pela versão da época da Champions League, o time foi vítima da tragédia que marcou sua existência,

James Strong é o diretor e produtor da magnífica série BROADCHURCH, certamente uma das melhores de todos os tempos, feita na Inglaterra. Um mistério daqueles que deixa a gente na ponta da cadeira até a cena final.

Novamente ele contou com o ótimo David Tennant, um ator completo que vai de vilão a herói com uma facilidade espantosa. No elenco o jovem Jack O’Connell (UNBREAKABLE e ‘71) faz o jogador Bobby Charlton, um dos maiores de todos os tempos (vi jogar pela Seleção da Inglaterra na Copa de 1970), então um jovem iniciante que sobreviveu à tragédia. Ainda trabalha Douglas Scott, como o General Manager que contrata o vôo da tragédia.

Há inúmeras cenas maravilhosas no filme. Apenas para citar uma deles, quando o diretor vivido por Tennant chega ao estádio de Old Trafford dias depois do acidente vê quatro secretárias separando milhares da cartas. Pergunta o que estava ocorrendo ali. A Secretária do Clube diz que aquelas mulheres eram voluntárias que vieram ajudar a processar as milhares de cartas que estavam chegando com mensagens de apoio e doações me dinheiro de aposentados e crianças enviando suas mesadas para o Clube se reerguer mais rapidamente.

Como filme histórico ou como drama que retrata um tragédia real, UNITED é um grande filme.

Para quem ama futebol, então, dificilmente poderia mostrar de forma mais brilhante a paixão que um clube de futebol desperta.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.